Comentários dos episódios

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Comentários dos episódios

Mensagem  Leo Oliveira em Ter Jun 19, 2012 11:29 pm

Comente aqui os episódios da série!

Leo Oliveira

Mensagens : 169
Data de inscrição : 17/10/2010

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

#5.01 – "Purpose"

Mensagem  Leo Oliveira em Ter Jun 19, 2012 11:34 pm

Skills #5.01 – "Purpose"
Ryan (Eddie Cahill) e Dave (Josh Hartnett) saem em busca de uma misteriosamente desaparecida Jen (Brittany Murphy), mas a interferência de velhos amigos pode dificultar as coisas para eles. Christy (Katie Holmes) tenta manter uma vida tranqüila com Jason (guest Oliver Goodwill) em New York, mas os perigos oferecidos por seu trabalho fazem dessa uma tarefa impossível. Mark (Dan Wells) tenta tirar de Beverly (Olivia Wilde), a garota que aparece gravemente machucada na porta de sua casa, a verdade por trás de sua condição. Rob (Peter Facinelli) ajuda Mad (Busy Philipps) a colocar para fora suas frustrações com o instituto. E as férias de Nick (Matthew Bomer) e Diana (guest A.J. Cook) passam longe do que ela esperava para os dois.
Também participam Peter Gerety e Michael Reilly Burke.

Leo Oliveira

Mensagens : 169
Data de inscrição : 17/10/2010

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

#5.02 – "Poison"

Mensagem  Leo Oliveira em Qui Jun 28, 2012 10:40 pm

Skills #5.02 – "Poison"
Decidido a salvar Beverly (Olivia Wilde), Mark (Dan Wells) decide se infiltrar na empresa de Jarod Robinson (guest Michael Reilly Burke), com a ajuda de Dino (guest Ryan Carlberg). Jason (guest Oliver Goodwill) surpreende Christy (Katie Holmes) com uma notícia perturbadora. Rob (Peter Facinelli), Nick (Matt Bomer) e Mad (Busy Philipps) retornam para a faculdade, e essa última é motivo de preocupação para os dois. Ryan (Eddie Cahill), Dave (Josh Hartnett) e Jen (Brittany Murphy) conhecem seu novo local de trabalho.
Também participam Joel Gretsch, Matthew Modine e Juliette Marquis.

Leo Oliveira

Mensagens : 169
Data de inscrição : 17/10/2010

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

#5.03 – "Headache"

Mensagem  Leo Oliveira em Qui Jul 05, 2012 9:14 pm

Skills #5.03 – "Headache"
Ryan (Eddie Cahill), Dave (Josh Hartnett) e Jen (Brittany Murphy) são convocados para sua primeira missão no instituto, que definitivamente não se desenrola como esperado. Mad (Busy Philipps) interrompe uma aula de Rob (Peter Facinelli) para noticiar um apavorante retorno. Nick (Matt Bomer) conhece seu novo editor chefe (guest Ben Ziff), que faz um discurso de posse no mínimo controverso. Beverly (Olivia Wilde) pressiona Mark (Dan Wells) para que ele conserte o relógio. Christy (Katie Holmes) se angustia com a falta de informações a respeito da reunião de Jason (guest Oliver Goodwill) com os advogados.
Também participam Rachel Skarsten, Keegan Connor-Tracy, Philip Winchester e James Badge Dale.

Leo Oliveira

Mensagens : 169
Data de inscrição : 17/10/2010

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

#5.04 – "Transmission"

Mensagem  Leo Oliveira em Ter Jul 17, 2012 6:47 pm

Skills #5.04 – "Transmission"
Jen (Brittany Murphy) não consegue chegar a uma conclusão quanto a uma nova forma de transmissão de oxitase, e Walter (guest Joel Gretsch) sugere uma hipótese que a estarrece. Nick (Matt Bomer) tenta convencer Rob (Peter Facinelli) a ajudá-lo a criar uma associação, mas os planos dos dois são frustrados por uma bizarra emergência. Christy (Katie Holmes) é agraciada com um pacote de conteúdo potencialmente traumatizante. Mark (Dan Wells) é confrontado por sua relação com Beverly (Olivia Wilde). E Ryan (Eddie Cahill) recebe um inusitado convite.
Também participam Greg Germann, Peter Gerety e Clare Carey.

Leo Oliveira

Mensagens : 169
Data de inscrição : 17/10/2010

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

#5.05 – "Orphans"

Mensagem  Leo Oliveira em Sex Jul 27, 2012 5:49 pm

Skills #5.05 – "Orphans"
Enquanto Ryan (Eddie Cahill) e Nick (Matt Bomer) aprendem do que se trata um verdadeiro jantar de família, Dave (Josh Hartnett) visita Christy (Katie Holmes) em New York para que os dois possam investigar Haley (guest Chyler Leigh), e o resto do grupo fica preso a uma missão supostamente inútil. Alheia aos objetivos dos outros, Beverly (Olivia Wilde) faz sua própria investigação.
Também estrelam Brittany Murphy, Peter Facinelli, Busy Philipps e Dan Wells
Também participam Ben McKenzie, Joel Gretsch, Tiffany Dupont, Clare Carey e Philip Winchester.

Skills #5.06 - "Gifted"
A comemoração do aniversário de Dave (Josh Hartnett) toma proporções catastróficas, não se resumindo apenas a um jantar com seu excêntrico pai e uma nada amigável disputa promovida entre amigos. Mad (Busy Philipps) ajuda Mark (Dan Wells), de uma forma bastante duvidosa, a escolher um presente. Jason (guest Oliver Goodwill) se preocupa com o estado freqüentemente alerta de Christy (Katie Holmes). Rob (Peter Facinelli) é obrigado a ouvir as queixas de Lauren (guest Lisa Darr) a respeito de seu trabalho, ou a falta dele, no instituto. Diana (guest A.J. Cook) se revolta com a forma que Nick (Matt Bomer) é tratado por seu editor (guest Ben Ziff). Ryan (Eddie Cahill) tenta decifrar a mais recente crise nervosa de Jen (Brittany Murphy). E Beverly (Olivia Wilde) é atormentada por lembranças dolorosas.
Também participam Greg Kinnear e Scott Porter.

Skills #5.07 - "Decapitate"
Christy (Katie Holmes) corre contra o tempo para salvar Jason (guest Oliver Goodwill) da pessoa que passou os últimos meses atormentando-a. Dave (Josh Hartnett) tenta entender as motivações de Beverly (Olivia Wilde) para atacá-lo, mas é ela quem acaba exigindo explicações. Mark (Dan Wells) e Jen (Brittany Murphy) têm a primeira conversa sincera depois do rompimento. Nick (Matt Bomer) ensina valiosas lições de heroísmo para Prescott (guest Greg Germann).
Também estrelam Eddie Cahill, Peter Facinelli e Busy Philipps.
Também participa Chyler Leigh.


Skills #5.08 - "Fit"
È dia de adaptações na Wyndham Kolton: Christy (Katie Holmes) está de volta a Moonset, disposta a recuperar a vida que deixou para trás, mas seus amigos parecem ocupados demais com seus próprios segredos para ajudá-la. Rob (Peter Facinelli) e Nick (Matt Bomer) são obrigados a esconder algo dos outros depois de um incidente em seu dormitório. Dave (Josh Hartnett) e Jen (Brittany Murphy) tentam negar suas próprias habilidades ao serem confrontados por uma pessoa que parece saber tudo sobre eles. Dino (guest Ryan Carlberg) tenta convencer Mark (Dan Wells) a admitir que sente falta de Beverly (Olivia Wilde). E após forçar Ryan (Eddie Cahill) a acompanhá-la numa reunião com Walter (guest Joel Gretsch) e Lauren (guest Lisa Darr), Mad (Busy Philipps) coloca para fora suas frustrações.
Também participa Heather Stephens.

Skills #5.09 - "Rivals"
Christy (Katie Holmes) continua sua busca por companhia para desabafar, mas quando Ryan (Eddie Cahill), Dave (Josh Hartnett) e Jen (Brittany Murphy) recebem um chamado urgente do instituto, Rob (Peter Facinelli) e Mark (Dan Wells) são os únicos que restam para essa árdua missão. Mad (Busy Philipps) retoma sua vida amorosa, mas se frustra ao perceber que ninguém está interessado nela. Nick (Matt Bomer) teme a possibilidade de não resistir às investidas de Beverly (Olivia Wilde).
Participações de Ivan Shaw, Rachel Skarsten, Keegan Connor-Tracy, James Badge Dale, Micah Alberti e Sebastian Gacki.

Skills #5.10 - "Mark"
Decidido a tirar Mark (Dan Wells) da fossa, Dino (guest Ryan Carlberg) o convence a ir para uma festa da faculdade, mas a noite definitivamente não se desenrola como os dois esperam. Após passar a noite com Beverly (Olivia Wilde), Nick (Matt Bomer) é consumido pela culpa por ter traído Diana (guest A.J. Cook). Dave (Josh Hartnett) se incomoda ao perceber que Mad (Busy Philipps) não sabe toda a verdade sobre Vince (guest Micah Albert). Christy (Katie Holmes) teme a possibilidade de estar passando por uma crise com Jason (guest Oliver Goodwill). E Ryan (Eddie Cahill) confidencia o seu lado "O Sexto Sentido" com uma desconhecida.
Também participam Kyle Searles e Amanda Loncar.

Skills #5.11 - "Deadline"
Após ser marcado por Stella (guest Amanda Loncar), Mark (Dan Wells) tenta descobrir o que isso significa para seu futuro, enquanto Ryan (Eddie Cahill) e Dino (guest Ryan Carlberg) também se envolvem no confronto. Christy (Katie Holmes) e Jen (Brittany Murphy) tomam uma decisão controversa quanto ao que fazer com o corpo de Chuck (guest Kyle Searles). Beverly (Olivia Wilde) tenta manter a calma ao confirmar que está em contato com o espírito de Blake (guest Scott Porter). Nick (Matt Bomer) se surpreende com as habilidades criminosas de Diana (guest A.J. Cook). Rob (Peter Facinelli) se irrita ao perceber a excessiva atenção de Dave (Josh Hartnett) ao que acontece com Mad (Busy Philipps) e Vince (guest Micah Albert).
Também participa Joel Gretsch.

Skills #5.12 - "Watch"
Dave (Josh Hartnett) e Rob (Peter Facinelli) partem numa viagem, onde o primeiro descobre a origem do relógio prateado, e o último, informações perturbadoras sobre a família do namorado. Jen (Brittany Murphy) faz uma nova visita a Molly (guest Heather Stephens), revelando que quer seus sonhos premonitórios de volta. Ryan (Eddie Cahill) pede a ajuda de Christy (Katie Holmes) e, inesperadamente, diz que a ama. A situação de Mark (Dan Wells) no instituto chega a um veredicto, e Mad (Busy Philipps) fica enfurecida por saber do acontecido quando já é tarde demais.
Também participam Tom Berenger, Ryan Carlberg, Michael Reilly Burke, Keegan Connor-Tracy, Luke Benward, Megan Gallagher e Zena Grey.

Skills #5.13 - "Boil"
Um acidente com Lucas (guest Ben McKenzie) na universidade obriga Ryan (Eddie Cahill) a se justificar por não ter revelado a habilidade do rapaz para Walter (guest Joel Gretsch). Mark (Dan Wells) tem dificuldades para retomar a relação que tinha com Jen (Brittany Murphy), o que se agrava com o retorno de Beverly (Olivia Wilde) à vida dele. Dave (Josh Hartnett) tenta fazer as pazes com Rob (Peter Facinelli), mas a situação deles apenas piora. Nick (Matt Bomer) começa a sentir as conseqüências de seus erros de uma forma ainda mais grave. Numa conversa com Cong (guest Ivan Shaw), Mad (Busy Philipps) percebe que precisa ser honesta com Vince (guest Micah Alberti).
Também participam Keegan Connor-Tracy e Ben Ziff.

Skills #5.14 - "Joint"
Ryan (Eddie Cahill) recebe um inusitado pedido de ajuda de Marjorie (guest Tiffany Dupont) e Harrison (guest Philip Winchester), o que o obriga a invadir novamente o instituto com Rob (Peter Facinelli), enquanto Dave (Josh Hartnett) e Jen (Brittany Murphy) ficam tomando conta dos gêmeos. Após se mostrar chateada com todos os amigos, menos Nick (Matthew Bomer), Mad (Busy Philipps) conhece sua nova colega de quarto. Mark (Dan Wells) se preocupa com a sanidade de Beverly (Olivia Wilde) ao vê-la falando sozinha. Christy (Katie Holmes) é surpreendida com a visita do senador Costello (guest Vincent Duvall), que traz à tona seu passado em New York.
Também participam Scott Porter e Nan Zhang.

Skills #5.15 - "Fairytale"
Após um afetuoso momento com Mark (Dan Wells), Jen (Brittany Murphy) fica estarrecida ao constatar que esse pode ser também seu último momento. Dave (Josh Hartnett) e Christy (Katie Holmes) ajudam Ronnie (guest Sebastian Gacki) e Kirsten (guest Rachel Skarsten) em uma busca extra-oficial do instituto, enquanto Ryan (Eddie Cahill) e Taryn (guest Keegan Connor-Tracy) finalmente têm seu primeiro encontro. Mad (Busy Philipps) descobre novas informações de sua colega de quarto com o diretor Prescott (guest Greg Germann). Rob (Peter Facinelli) tenta ajudar Nick (Matthew Bomer) a encontrar uma garota, o que se mostra uma tarefa não tão fácil.
Também estrela Olivia Wilde.
Também participa Joel Gretsch.


Skills #5.16 - "Purify"
Mad (Busy Philipps) finalmente descobre o que Ting Na (guest Nan Zhang) esconde, embora seja tão terrível que gostaria de continuar sem saber. Ryan (Eddie Cahill) e Mark (Dan Wells) recebem novas informações a respeito dos planos de Stella (guest Amanda Loncar). Christy (Katie Holmes) confronta Jen (Brittany Murphy) a respeito de seu envolvimento com Walter (guest Joel Gretsch), e é surpreendida com um contra-ataque. Rob (Peter Facinelli) convence Dave (Josh Hartnett) a ir em um encontro duplo com Phillip (guest Mark Wystrach) e seu atual namorado (guest C.J. Richards) e, como não podia deixar de ser, as coisas não saem como o esperado. E Beverly (Olivia Wilde) propõe uma duvidosa aliança para Nick (Matthew Bomer).
Também participam Ryan Carlberg, Keegan Connor-Tracy, James Badge Dale e Christopher Egan.


Última edição por Leo Oliveira em Seg Out 08, 2012 2:47 am, editado 4 vez(es)

Leo Oliveira

Mensagens : 169
Data de inscrição : 17/10/2010

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Primeira Temporada!

Mensagem  Harbor em Sab Set 15, 2012 5:35 pm

Depois de ter EXIGUIDO veementemente a exibição dos episódios finais de Skills gravados há tanto tempo e que estão apenas pegando mofo no almoxarifado da TVSN, eis que venho aqui pra comentar a primeira temporada da série. Sim, primeira temporada, pois também fiquei EXIGUINDO que disponibilizasse a série inteira para eu reler, LOOOOL.

O mais interessante de reler essa primeira temporada é notar que, embora sua escrita não fosse a maravilha que é hoje e o plot inicial da série (jovens que desenvolvem habilidades especiais graças a uma fórmula secreta) fosse bem genérico, a série já tinha muito potencial desde o início, com tramas aparentemente aleatórias (oi, Dogan!) mas que no fim das contas tinham sua importância, além das clássicas piadinhas. Aliás, preciso fazer uma observação sobre Dogan... Quando reli a série e me deparei com Dogan, o monstro do bueiro, novamente achei a coisa mais bizosca do mundo, mas de uma forma bem divertida. Aí vem finale em Barak, onde ele e seus amiguinhos foram essenciais e percebo que não o colocou apenas para bizoscar, mas que ele tinha sim importância. E sabe o mais curioso de tudo? Relendo a finale, com batalha da galera contra os demônios, me senti em Jogos Vorazes. Very Happy

Também foi divertido acompanhar a entrada inevitável de Christy no grupo e o início da relação de amor e ódio entre ela e Jen, as neuroses de Dave com medo de descobrirem seu segredo enquanto fazia todas as aulas da faculdade e, claro, o heroísmo responsável de Ryan contrabalançando com o heroísmo irresponsável de Matt. Crisei também com suas clássicas alfinetadas aos jornalistas sendo direcionadas a Christy, LOOOL.

Bacana também foi rever alguns guests em suas primeiras aparições. Rob foi destaque total se integrando ao grupo aos poucos e desenvolvendo aquela amizade marota e sem compromissos com Dave. Rolling Eyes
Mad estava chocantemente amarga, mas dou um desconto porque não deve ser nada fácil ter sua cara deformada com ácido.
E, por mais que eu ame mais a fase do Instituto, preciso dizer que Enigma também tem um espaço em meu coração, ainda mais com Dinah e Austin brigando pela disputa da mesma. Desciclopo muito a relação desses dois!

Enfim, foi divertido e interessante reler essa primeira temporada, mas algo me diz que vou gostar mais da segunda, afinal meu maridinho Nick faz sua estreia nela! Smile

Harbor

Mensagens : 143
Data de inscrição : 12/03/2011

Ver perfil do usuário http://www.twitter.com/c_harbor

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Comentários dos episódios

Mensagem  Harbor em Sab Set 29, 2012 7:45 pm

Antes de aprender que incesto é pra nossa geração o que Atari foi para a Ben, eis que venho comentar mais um pouco de Skills! Smile E como essa temporada tem quase o dobro de episódios da primeira e todos têm a duração de 1 hora, achei melhor dividir os comentários por partes, então esse aqui vai até o 2.05.
E não sei se acontecimentos tão antigos vão ter alguma relevância para os episódios finais, mas a verdade é que estou amando reler esses episódios, porque tem muita coisa que eu nem lembrava e é como se fosse a primeira vez que eu estivesse lendo... Aliás, vou até comentar algumas coisas fazendo previsões para o futuro como se eu nem soubesse o que virá a seguir (e em alguns casos, não sei mesmo pois meu lado Dory está bem afiado!), LOOOL.

E que barra de vida é essa de Ryan aturando um fantasminha camarada, huh? Aliás, acho esse plot dele com Amber bem Joan of Arcadia e me divirto bastante! E até adivinhei que Amber era um fantasma antes de Ryan descobrir... Sou muito sagaz com acontecimentos da série! Laughing Queria shippar Rymber loucamente, ainda mais com a chance de Ryan se juntar a ela logo, mas sei que ele vai acabar sobrevivendo e ficando com Christy... E não há como Amber duelar com Christy, que revela para quem quiser o quão cheirosas são as meias de Ryan... É muito amor esses dois! Muito amor também por todos os segredinhos e cumplicidades que esses dois guardam um com outro, não tem nem como Matt competir, né, gente? Só que tenho a leve impressão de que ataque do demo nele o fará morrer e sua morte acabará salvando Ryan, como uma espécie de sacríficio, sabe? Rolling Eyes Mas vamos ver se série vai mesmo seguir por esse caminho a ponto de me fazer amar Matt e lamentar saída dele...

E como Ryan é um bom protagonista, ainda teve que lidar com a barra de ter que aturar Nick em sua vida... É bem verdade que maridinho ainda não é essa coca-cola toda, mas não consigo deixar de achar fofo ele tentando se reaproximar do irmão. Aliás, em 2.05, até fica chocado com Ryan pedindo ajuda e o impede de ficar cego... Algo me diz que ele seria o sucessor de Ryan, mas com sacrífico de Matt, não precisaremos de um novo sucessor. Mas se Rob não pode entrar pro grupo e se tornar fixo na segunda temporada, pelo menos temos Nick! E amo que ele seja roomie de Tommy, pena que não vão ser amigos por estarem em lados opostos, mas preciso dizer que amo Tommy brigando com Dinah pelo poder da Enigma... É bom que alguém esteja enfrentando-a enquanto Austin está desmemoriado e Natalie não dá as caras.

Christy representa o público e não aguenta Matt... Com isso, somos agraciados com cenas dela com Ryan, Nick e Haley, mas o destaque mesmo vem com ela formando aquela duplinha esperta com Jen para salvar o professor tosco que Jack roubou as provas. Aliás, incrível ver como Matt já era bad seed, primeiro com roubo das provas e no futuro com suas bebedeiras. Voltando ao que interessa... Christy e Jen muito ótima agindo juntas, relação delas é divertida de acompanhar. Mas lógico que não me importarei de ver Jen se arrumando romanticamente logo...

Quem poderia se arrumar romanticamente e não quer é Dave... E, gente, não lembrava dessa ladainha toda dele! Até achei fofo vetar a entrada de Rob no grupo para protegê-lo, o que mostrou-se algo natural depois do ataque das cobras, mas tem que assumir logo que o ama e o quer pro resto da vida. Lógico que lenga-lenga até ajuda e nos faz torcer pro casal sair logo e, considerando onde chegaram, creio que lenga-lenga logo acaba e veremos Rob e Dave sentados embaixo de uma árvore se beijando! Very Happy

É interessante ver que com liberação de fórmula feita por Dinah na premiere permitiu que a série fosse invadida por um monte de freaks of the week, o que garante que sempre tenhamos cenas boas de ação e piadinhas deliciosas... Mas, mais que isso, começa a formar uma “guerra” entre Dinah (que está formando um exército, after all!) e Ryan, o que não tenho certeza se vai acontecer, mas adorarei se tiver, LOL.
E, além de tudo isso, todos esses acontecimentos permitem que os personagens se desenvolvam cada vez mais e se tornem aquilo que tanto admiramos hoje... Aliás, permite que a série se desenvolva mais e mais e se transforme na belezura que é hoje. Olha, tá sendo muito bom redescobrir a série e me envolver com as aventuras dessa turminha... E o melhor é que, daqui em diante, ficará ainda melhor! Mal posso esperar por mais aventuras e surpresas! Very Happy

P.S.: Crisei muito com Anwar sendo nome maluco do ritual que ressuscitou Ryan, lembrei do personagem de Skins.

Harbor

Mensagens : 143
Data de inscrição : 12/03/2011

Ver perfil do usuário http://www.twitter.com/c_harbor

Voltar ao Topo Ir em baixo

2.06 ao 2.10!

Mensagem  Harbor em Qui Out 11, 2012 8:33 pm

Agora que me passou link que nos leva a fórum antigo, vai ser bem mais fácil comentar Skills! Vou copiar meus comentários antigos... Portanto, não os leia para não perder a surpresa! Enquanto isso, se mantenha ocupado com coisas relevantes como Mongavia! Laughing

Continuando minha saga, vamos para mais 5 episódios em comemoração ao início das notícias sobre os episódios inéditos!
E eu mesmo me impressiono como minha Doryce, gente! Porque com toda a questão de Austin bloquear a mente para Jen não descobrir como salvar Matt e o lance do traidor, nem me passou pela cabeça que seria ele, tava acreditando que era Christy quem trairia todos em prol do namorado, mas como ele não tem meias tão cheirosas quanto as de Ryan, não era mesmo merecedor de uma atitude assim da parte dela!
E como ele bem disse no final do 2.10, as coisas nunca mais serão as mesmas depois disso e já tô até tristinho por saber que Austin só o está enrolando e ele não terá a cura desejada. É bem verdade que Matt não é meu preferido e o chilique dele ao descobrir sobre Rob e Dave não foi algo bom de ver (e acho que reclamei horrores da primeira vez que li)... No entanto, analisando bem, era de se esperar que ele fosse o reclamão na história, pois é da personalidade dele e, pelo menos, ele é sincero (ainda que de forma equivoca) e, no fim das contas, decidiu deixar o preconceito de lado e aceitar o amigo. Ou seja, algo me diz que vou lamentar ainda mais a morte dele dessa vez! Sad

Ver o grupo em missões é sempre divertido e interessante, mas, revendo esses episódios, vejo claramente que Jen é o grande destaque... Amei vê-la tendo sonhos múltiplos (e tenho certeza de que ela preferia orgasmos! Rolling Eyes), fiquei intrigado para ver como iam conseguir salvar todos e amo muito que quase tenham conseguido, mas depois a coisa degringolou e os sonhos quase se cumpriram, LOOOL!
E nesse plot, aproveitou pra trazer par de Ryan de volta e me dei conta em como reaproveita personagens, pessoal da seita já deu suas caras no início da temporada e já começo a pensar quem mais pode dar as caras nos próximos episódios.
E aaaaaaaamo que Jen já tenha suas quedas por coroas, dizendo que Austin é velho charmoso (e é mesmo!), ainda bem que encontrará consolo nos braços de Waltinho, que é pai de Ryan, seu melhor amigo. Ou seja, Putiney é mesmo uma versão contemporânea de Jentinho, LOOOOOL!

Buuuu, romance de Christy e Ryan foi tudo fruto da habilidade de Haley! Aliás, nem lembrava que tinha habilidade tão perigosa (no surprises here!), mas fico feliz que casal teve um empurrãozinho e mal posso esperar para vê-los ficando juntos por vontade própria, o que pode demorar ainda, considerando que Ryan acha que vai morrer.
E já que citei Ryan, vamos logo falar dele e Nick... Maridinho ainda não me faz derreter de amores, mas continuo achando-o fofo querendo estabelecer relação com irmão e cortando laços com a mãe. Aliás, que vagabunda (sem parabéns!), além de trair papai Fergal, ainda encobre casos de abusos de Prescott... E, geeeente, também não lembrava disso e não faço a minima ideia do que acontecerá com ele e quem será diretor no lugar dele. Quer dizer, espero que ele seja preso de vez em breve e tenhamos um novo diretor.... Aaaaah, lembrei, novo diretor é o pai de Bianca Lawson, não? Enfim, não lembro ao certo, terei que esperar para descobrir.
E assim que Nick me fisgar novamente, te aviso qual foi o momento! Razz

Dave finalmente parou com o lenga-lenga e cedeu a Rob, embora ainda seja cauteloso com beijos no corredor... Mas é muito tolinho, povo dessa faculdade tá mais preocupado em se manter vivo que ficar vendo dois homens se beijando! Wink

E o bom de trazer guests de volta é que sempre temos belas surpresas, como o retorno de Mad, que foi ótimo e já acrescentou muito à série em termos cômicos, além de proporcionar a boa dinâmica que tem com Rob, Christy e Jen. E com os demais muito em breve! Very Happy

P.S.: MORRI com destino de Dan Wells pós-Skills! É sério ou tá só trollando porque o pobrezinho tem uma carreira discreta?

Harbor

Mensagens : 143
Data de inscrição : 12/03/2011

Ver perfil do usuário http://www.twitter.com/c_harbor

Voltar ao Topo Ir em baixo

2.11

Mensagem  Harbor em Qui Out 11, 2012 9:07 pm

Quando comecei a comentar a segunda temporada e vi que o 2.11 era episódio de fim de ano, decidi comentá-lo separadamente porque imaginava que as coisas iriam tomar um rumo frenético.

Olha, os flashbacks foram bem interessantes e deu pra ver bem o quão indeciso Nick estava no meio da história, enquanto Ryan sempre foi cego pelo pai... Ellen pode até dizer que traiu pra Roger finalmente ter a chance dele com a fórmula, mas todos sabemos (principalmente Jen!) que o motivo disso tudo é o charme cafajeste de Austin! Razz
Verdade é que não sinto nem um pouco de pena de Ellen (acobertou Prescott, for Sara's Sake) e também fiquei chateado por Roger ter sido responsável por Dogan e sua trupe, mostrando para Ryan que o pai não era bem o herói que queria.
E é lógico que Ryan não vai morrer e acho que o amuleto finalmente o salvará, mas ainda estou encucado com morte iminente de Matt, poderia jurar que era para salvar Ryan... Vou ter que esperar pra ver o que realmente acontece e o que salva Ryan de verdade... Minha sorte é que não precisarei esperar 2 meses, hooray!

Jen não teve muito destaque, servindo apenas como uma projetora mesmo, enquanto fazia suas piadinhas. Enquanto isso, Christy terminou de vez com Matt e até senti um pouquinho de pena dele e, posso estar querendo me enganar, mas acho que ele tá tentando enganar Austin se fingindo de espião só pra poder se redimir com todo mundo... Só que, mais uma vez, vou ter que esperar pra ver se é isso mesmo. E o pior é que se estiver fazendo isso, é justamente na hora que Christy tá lá cheia de amor pra dar pra Ryan, LOL.

Gostei também de ver Thomas descobrindo a verdade sobre o pai e decidindo ficar ao lado de Nick e essa turminha da pesada. E também espero não estar me iludindo com ele, realmente creio que se desapontou de vez com o pai... Só que não lembro de Thomas dando muito as caras no futuro, então algo me diz que a história dele deve estar perto do fim! Sad

E vamos pra segunda metade da temporada! Cool

Harbor

Mensagens : 143
Data de inscrição : 12/03/2011

Ver perfil do usuário http://www.twitter.com/c_harbor

Voltar ao Topo Ir em baixo

2.12 ao 2.15!

Mensagem  Harbor em Qui Out 18, 2012 8:51 pm

E vamos para uma leva de episódios para comentar... Semestre já começa com Ryan vagando entre o mundo dos mortos e dos vivos e preciso dizer que, embora Amber tenha dado lá suas respostas, pra mim a coisa continou bem confusa, LOOOL. O que importa mesmo é que Ryan está de volta por tempo indeterminado e Christy até tentou livrá-lo da morte com novo ritual, mas algo deu errado, buuuu! Realmente não faço ideia do que acontecerá agora, mas esses dois precisam continuar seu romance que engatou mesmo sem a interferência de Haley, gente!

“Lovely” é tipicamente um episódio filler, mas me divirto muito com todo mundo caindo aos pés de Kaylee, principalmente Dave! E não lembrava que papai Foster reagia tão mal a revelação do filho, mas ainda bem que voltou atrás e foi lá ser um fofo com o filho. E quando a gente acha que ele não vai ter mais nenhum problema, eis que surge o ambíguo Dennis e seu exuberante corpo para balançar Rob! Buuu, Superman, buuu!

Aliás, amo que Rob tenha perdido um pouco de seu espaço de guest importante logo agora que vai ganhar habilidade e que Mad comece a roubar esse posto descaradamente. Simplesmente amo que a adição dela tornou as cenas bem mais divertidas e criso com ela querendo montar “As Panteras” com as meninas e sendo tão louca a ponto de pensar em ficar ruiva. E amo também que ela tenha tanto destaque que seja a única a tentar colocar juízo na cabecinha de Matt. E preciso dizer que embora não tenha como acontecer, se esses dois ficassem juntos ia ser no mínimo divertido de acompanhar porque já imagino a explosividade e a acidez desse casal... Pegou a piada? Laughing

Curti muito a história do 2.15, com Matt-demônio ganhando vida... E acho que com a morte de Matt-demônio, finalmente Matt-normal ficaria livre e poderia ser feliz, mas aparentemente não é isso que vai acontecer... Não faz ideia de como é agoniante não lembrar certas coisas, LOL! Estou realmente curioso para saber porque exatamente Matt morrerá e, lógico, pra ver desdobramentos da colisão da destruição de demônios com o ritual para ressuscitar Ryan.
Preciso dizer ainda que quase comprei a ladainha da Natalie, mas não comprei totalmente porque sabia que no fundo ela era meio lambisgóia... Às vezes, não é nada fácil ser um otimista iludido! Sad
E gente, relendo a série, me dei conta de como os personagens sempre dão sorrisinhos misteriosos/comemorativos nos fins da cena, LOOOOL!

Prescott foi preso, hooray! Mas ainda não tive a confirmação oficial de que pai de Bianca Lawson vai ser o substituto! E aproveito esse parágrafo pra dizer que já começo a sentir falta da família McNott, tão deliciosamente distorcidos, espero que pelo menos Tommy consiga se salvar... E como fui bisbilhotar e vi que aparece em episódio aleatório da quarta temporada, algo me diz que ele vai conseguir rejeitar a tradição da família! Smile

Harbor

Mensagens : 143
Data de inscrição : 12/03/2011

Ver perfil do usuário http://www.twitter.com/c_harbor

Voltar ao Topo Ir em baixo

#5.17 – "Boss"

Mensagem  Leo Oliveira em Qui Nov 08, 2012 1:03 pm

Skills #5.17 – "Boss"
Prisioneiros na base do inimigo, Ryan (Eddie Cahill), Mark (Dan Wells), Avery (guest James Badge Dale) e Dino (guest Ryan Carlberg) fazem o possível para resgatar Mad (Busy Philipps), obter novas informações e escapar vivos. Christy (Katie Holmes) desabafa com Dave (Josh Hartnett) sobre a possibilidade de Jason (guest Oliver Goodwill) deixá-la. Jen (Brittany Murphy) se preocupa com as consequências de seu envolvimento com Walter (guest Joel Gretsch). Nick (Matt Bomer) recebe uma oferta de ajuda inesperada do diretor Prescott (guest Greg Germann). E Beverly (Olivia Wilde) pede conselhos a Rob (Peter Facinelli) sobre como ser uma pessoa melhor.
Também participam Amanda Loncar, Nan Zhang e Christopher Egan.


Última edição por Leo Oliveira em Ter Nov 13, 2012 12:37 pm, editado 1 vez(es)

Leo Oliveira

Mensagens : 169
Data de inscrição : 17/10/2010

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

2.16 ao 2.18!

Mensagem  Harbor em Qui Nov 08, 2012 5:14 pm

Ai, gente, episódios realmente inéditos começam a ser exibidos amanhã e eu ainda tô na segunda temporada. Buuu, Harbor, buuuu!

E dessa vez decidi fazer mini comentários por episódio, acho que ideias ficam mais claras, LOL.

# 2.16
Uma das coisas ruins de reler algo é saber que certos cliffhangers não têm impacto algum como esse com Mad escolhendo ficar no mundo dos mortos, porque sei que no fim das contas ela não vai ficar lá. Lógico que não lembro exatamente como ela volta e isso de certa forma me intriga a querer saber mais, então cliff acaba tendo alguma serventia, LOL.

E nesse episódio, Nick começa a ganhar meu amor revelando pra Jen que lê revistas de fofocas porque é jornalista, além de formular teorias completas sobre algo após dizer que não faz a mínima ideia sobre o assunto. Romance dele e Haley começa a ser desenhado e como não rir dela dizendo que a cama os espera?

Matt voltou pro grupo e isso também me anima, embora eu saiba que em breve ele se despedirá. Bom ver também que seu controle sobre os demônios não teve ligação com sumiço de Ryan, Christy, Dave e Mad. Aliás, só vimos os 3 primeiros na escuridão e tenho que confessar que esse é um tipo de plot que acho bem bizosco como Dogan e seus coleguinhas, mas considerando aonde Dogan nos levou, vou dar um crédito e esperar pra ver o que acontece, até porque mortos do mal vão fazer de tudo pra Power Rangers perderem a guerra e mal posso esperar pra eles lutarem contra esses obstáculos.

Por fim, temos Jen sacrificando seu romance com Jack para não colocá-lo em perigo... Cena muito heartbreaking e até me fez torcer por casal novamente, Jack bem fofinho finalmente acreditando em Jen.

#2.17
WOW! Quando eu acho que não tenho mais como me surpreender, eis que Skills vem e samba lindamente em minha cara. E no episódio em que Jen sonha com sua própria morte, pena que a intérprete não se protegeu como a personagem! Sad

Ler a mente das pessoas realmente é uma habilidade importante, mas os sonhos premonitórios é que agitam Skills e curto bastante os episódios em que eles têm destaque. Lógico que já imaginava que Jen ia usar um colete e me impressiono com Nick se surpreendendo com isso. Amei muito Ryan e Nick tentando proteger Jen com suas perseguições, ainda mais porque isso rendeu cena muito divertofa com Haley querendo chamar Nick pra sair depois de desistir de Dave, mas achar que Nick queria algo com Jen. Pobre Haley, deve se sentir a mais rejeitada EVER!

Matt descobriu romance de Ryan e Christy e até deu peninha dele... Mas o mais importante de tudo foi ver Ryan sendo manipulado por Austin de uma maneira que fez com que ele atirasse em Jen. Não lembro exatamente qual é a habilidade dele, podia jurar que era shapeshifter, mas acho que essa é a habilidade de Waltinho e tô confundido os coroas sexies, LOOOL.
E agora que Ryan tá preso,Austin pode ter a vantagem que precisava pra iniciar guerra. Aliás, dinâmica dos McNott aparecendo com força total e desciclopei de montão quando Tommy usa sua habilidade e passa a perna nos familiares com lance da pasta. Fato que não precisaria disso se não ficasse carregando a pasta por aí, né? Mas como disse, desciclopei! Cool

Rob e Dave tiveram seu primeiro rompimento e Rob já tá se atracando com Dennis, que só faz parte de um plano ainda maior pra conseguir informações pra Prescott... Esse diretor é um malditinho mesmo! E Jen tão ocupada em tentar não morrer que nem teve a chance de compartilhar o que descobriu de Dennis com os demais, mas espero que o faça logo. Ou talvez não consiga, agora que Mad voltou e aparentemente está mais horrível do que quando sua cara foi deformada.

# 2.18
Com Ryan preso e Isaac sofrendo preconceito por ser judeu, fico feliz que Mad tenha voltado do mundo dos mortos já fazendo piadinhas e nem perdendo tempo em elogiar a troca de Dave por Dennis para Davezito... É muito sem noção, LOOOL. Mas provavelmente estava abalada da visita de Kurt Cobain. E antes de partir para outro assunto, preciso dizer que Christy é muito ritualística, gente! E começa a me incomodar o fato de que rituais pluctplactzunzentos resolvam tudo!

Embora tenha sido tenso ver Isaac cego e querendo se vingar de seus algozes e Ryan preso, episódio teve sua cota de fofura com Christy se acertando com Haley, que pode até ser intrometida, mas realmente não é o monstro que pintam! E isso foi só o ensaio para o discurso fofindo que fez pra Ryan, esses dois refletem mesmo o Poder do Amor, aw!

E Haley, depois de provar que não é o monstro que pintam, conseguiu seu encontro com Nick... Início da relação deles muito boa, com quase beijo atrapalhado por Christy. E como não amar Nick defendendo Ryan pra Christy quando ele mesmo o criticou por tentar matar Austin?

Pra finalizar, temos Rob que ficou jogando com Dennis só pra depois desmascará-lo... Não creio que aparição de Dennis já acabou. Nem conseguiu espionar a galera direito e só serviu pra separar Rob e Dave. Pelo menos, Rob está disposto a reconhecer seus erros pra Dave e falar sobre beijo. Espero que Dave não seja orgulhoso e o aceite logo, porque tava morrendo de ciúmes dos dois. Aliás, cena no refeitório com Matt indignado com pessoas preconceituosas foi priceless! Laughing

Harbor

Mensagens : 143
Data de inscrição : 12/03/2011

Ver perfil do usuário http://www.twitter.com/c_harbor

Voltar ao Topo Ir em baixo

2.19 e 2.20

Mensagem  Harbor em Sab Nov 10, 2012 10:01 pm

Amo que eu tenha começado a fazer comentários por episódio na tentativa de organizar melhor os pensamentos e simplesmente me esqueci de comentar que, durante episódio em que Jen quase morreu, desciclopei muito a briga dela com Matt com direito a lembranças do tempo em que ela foi largada por ele. Simplesmente acho o máximo essas brigas em que o passado é desenterrado e um joga na cara do outro as coisas.

E fui ver que Mad só foi dar as caras na temporada no 2.09, então sumiço dela por 2 episódios nem era necessário pra cumprir com a regra maravilhosa de que guest só podia fazer 80% dos episódios, de qualquer forma, sumindo dos 8 primeiros não ia atingir os 80% mesmo. Assume logo que foi pra fazer ritual pluct plact zum, tão mesmo em alta, até TVD usa! Razz

Mas vamos ao que interessa agora...

# 2.19
Ryan fugiu da prisão enquanto Matt e Jen dão um rolê no esgoto para brigar de brinks com uns demônios, mas nada disso importa quando temos Mad possuída fazendo piadas com sonhos de rio cheios de homens musculosos, além das deliciosas referências a Stunt. Achei tudo muito histriônico e estapafúrdio, sua vagabunda!

Devo dizer que comportamento de Matt nos últimos tempos tá uma gostosura sem tamanhos, já fico com coração em frangalhos ao saber que são seus últimos momentos, mas pelo menos vai sair em alta! Me diverti bastante com psicologia dele reversa em Jen e foi fofinho ver ele querendo mostrar pra ela que ela pode se cuidar, basta ter unhas bem cultivadas.

Quem também tá ótimo é Nick que cada dia mais se encaminha para virar o maridinho que tanto amo. Seus vários beijos com Haley definitivamente contribuem para isso e amo muito que Haley fique toda serelepe com possibilidade de catar pasta que Tommy deixou pra galera com os podres dos McNotts. E buuuu, vai ajudar a destruir família, mas vai embora. Já fico na expectativa pela participação especial dele.

Além de tudo isso, temos Rob e Dave se acertando, o que não poderia demorar muito, né? E ainda Christy recebendo mensagens de indiozinhos. Sabe o que acho incrível em Skills? Além das cenas de ação belamente executadas, das piadinhas pontuais e dos personagens cativantes? É que pega histórias que eu definitivamente acharia rídiculas em qualquer outro lugar como mundo dos mortos, criação de demônios, indiozinhos, entre outras e transforma em coisas altamente acompanháveis e intrigantes, me deixando ansioso pra ver desfechos dessas histórias. Já era prodígio antes de mudar de sexo, gente! Razz

# 2.20
E a guerra vai começar, gente! Sad

Esse foi mais um episódio de preparativo para a guerra, mas nos deparamos com a morte do xerife logo no início, coitado! E agora, quem poderá nos ajudar? Laughing

Muito bonitinho Jack pedindo pra Jen esperar e até acho bom nutrir esse sentimento pelo casal, mesmo com Jen encaminhada com Mark no futuro. O mesmo posso dizer de Nick com Haley, até porque lembro bem de como faz questão de suckar Dick de todas as formas possíveis, então acho bom torcer por Hick quando posso. Haley foi enxerida mesmo, mas até acho que fez o melhor no momento, ainda que xerife tenha morrido.

Bom também ver que os preparativos rendem momentos divertidos com as piadinhas do uniforme que fizeram além dos demônios serem Pokémons, LOOL. Só acho mesmo uma pena que ideia de Nick do símbolo no uniforme não tenha sido acatada. Ainda mais desbundento foi ver que ninguém deu a mínima para habilidade de Rob. Tá certo que eu já sabia, mas também caguei pra redescoberta da mesma. E nem tinha como se importar muito, gente, Dave citou bons motivos para nos distrairmos!

E Mad ainda se despediu da galera e agradeceu a oportunidade de conhecer todos, mal sabe ela que realmente não veria todos novamente. Sad Que venha a guerra, então!

Harbor

Mensagens : 143
Data de inscrição : 12/03/2011

Ver perfil do usuário http://www.twitter.com/c_harbor

Voltar ao Topo Ir em baixo

2.21 e 2.22

Mensagem  Harbor em Dom Nov 11, 2012 12:18 pm

Olha, acho justo que, a cada temporada comentada, um episódio inédito de Skills seja exibido. Como já tivemos 5.17 por causa dos comentários da primeira temporada, é hora de fazer 5.18 pelos comentários da segunda! Razz

# 2.21
Pele-vermelha, como não amar? Quando episódio começa com atores descritados sendo chamados dessa forma é porque a batalha vai ter sua cota de humor... E teve, graças a ajuda das duas louras piadistas dessa série. Mad muito ótima chateada por destruirem sua maquiagem de guerra, mas desciclopei muito Nick e sua determinação em guiar todos para Enigma guiando o pessoal pro lado errado, LOOOL.

E batalha muito boa, cenas de ação sempre muito boas e realmente diferenciadas, te congratulo por isso! Mas confesso que minha parte favorita foi com Ryan e Matt sendo manipulados por Austin. Incrível como uma simples batidinha de dedos era capaz de provocar tanto estrago... Ainda bem que Christy pegou uma carona providencial com Rob e conseguiu apagar o fogo de Ryan. E quando pensei que diria isso de forma tão literal, gente? Rolling Eyes

Incrível também ver que Austin estava mais preparado que imaginávamos com seu exército de demônios particular, pois sabia que Cong e cia. poderiam mudar de ideia. Aliás, achei mudança de ideia rápida e fácil demais, até temi por um novo golpe de McNott, mas realmente foi só a consciência dos freaks paraguaios falando mais alto.

Mortes também continuaram em alta... Depois de xerife, foi a vez de Logan, que nem teve a chance de recuperar sua filha, tadinho! E claro, Carl também finalmente vai parar de atazanar o grupo. Não sei se concordo exatamente com a atitude de Jen, mas algo me diz que isso ainda vai render problemas para ela.

# 2.22
Olha, se essa versão do episódio é a ruim, não quero nem imaginar como seria a boa... Episódio ruim muito bom, gente! Very Happy
Única coisa que tenho pra reclamar são essas descrições confusas de cena que faz, mas fora isso, foi uma belezura só! Laughing

Matar Matt logo no início foi bem Shonda mesmo e, considerando que ele e Christy vão transar agora que ele é fantasma, isso só mostra que Shondinha não é original coisa nenhuma. Copia coisas de todo mundo, até inversão de episódios copia de Happy Endings! Mas voltando ao foco... Morte de Matt muito triste mesmo, fiquei até com lagriminhas nos olhos, personagem definitivamente se recuperou e deu a volta por cima, saindo da série em seu melhor momento.

O melhor é que fez sacríficio, mas a luta desse povo está longe de terminar... E agora Jen, Dave e Rob estão em lados opostos a Christy, Ryan e Mad. Na verdade, Rob meio que seguiu o namô e Mad sua roommie, mas me parecem que estão do lado dos dois. Pra piorar tudo, Nick decidiu não voltar. Lógico que vai voltar, mas tensão criada por essas divisões é boa e já estou com vontade de acompanhar tudo de novo, sei que todo o caminho que grupo vai percorrer para voltar a batalharem juntos vai ser ótimo.

Ainda tivemos despedida de Amber gasparzinho e gosto de pensar que Matt está tendo seu happy ending com Amber no além e que conseguiu ouvir a despedida de Dave. Tivemos também momento ternurinha de Ryan com a mãe e, por mais controversa que ela seja, acredito que ela realmente ame os filhos e só quer vê-los bem. No fim das contas, Ellenzinha também se despede com saldo positivo.

Sei que Instituto chega com tudo na próxima temporada, mas Dinah não morreu, gente! Tava dando um rolê com os demônios, mas não vimos morte em si, então ela ainda pode aprontar alguma coisa. E até reclamaria da ausência de velho sexy na série, mas Waltinho vem aí... E Grant também não é de se jogar fora!

Então, é isso... Skills desenhou a guerra desde o início da temporada, cumpriu com a mesma, tivemos morte de um dos personagens centrais. E agora que personagens não possuem mais um grande inimigo em comum, estão separados. Amo como aproveitou bem tudo o que podia de fase Enigma e agora recomeça a história com outros plots. Sempre penso em Skills como uma série que vive recomeçando. Sorte a minha que não preciso esperar tanto pela terceira temporada! Cool

Harbor

Mensagens : 143
Data de inscrição : 12/03/2011

Ver perfil do usuário http://www.twitter.com/c_harbor

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Comentários dos episódios

Mensagem  Leo Oliveira em Ter Nov 13, 2012 12:49 pm

Skills #5.18 – "Recruit"
Mobilizada em torno do estado crítico de Avery (guest James Badge Dale), a equipe "rival" no instituto faz com que Ryan (Eddie Cahill) reavalie suas próprias definições de liderança e a relação que leva com Jen (Brittany Murphy), Dave (Josh Hartnett) e Christy (Katie Holmes), por vezes conflituosa e cheia de segredos, por vezes de pura lealdade. Beverly (Olivia Wilde) tenta convencer Mark (Dan Wells) a dar mais uma chance para sua amizade com Nick (Matt Bomer), que recebe uma proposta surpreendente de Haley (Chyler Leigh). Rob (Peter Facinelli) pressiona Mad (Busy Philipps) a se abrir sobre seus problemas, mas é com Vince (guest Micah Alberti) que ela faz o desabafo final.
Também participam Ivan Shaw, Rachel Skarsten, Keegan Connor-Tracy, Ben Ziff e Sebastian Gacki.

Leo Oliveira

Mensagens : 169
Data de inscrição : 17/10/2010

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Comentários dos episódios

Mensagem  Leo Oliveira em Qui Fev 14, 2013 1:05 pm

Skills #5.19 – "Exposed"
Com suas habilidades expostas e a universidade cercada, Nick (Matt Bomer), Rob (Peter Facinelli), Mad (Busy Philipps), Mark (Dan Wells) e Dino (guest Ryan Carlberg) passam por maus bocados na tentativa de escapar. Beverly (Olivia Wilde) encontra uma chance de se safar sozinha, graças a uma proposta de Blake (guest Scott Porter), mas se mostra resistente a deixar Mark para trás. Ryan (Eddie Cahill) descobre porque Taryn (guest Keegan Connor-Tracy) é tão importante para a manutenção do instituto. Jen (Brittany Murphy) tenta convencer Christy (Katie Holmes) a não agir por impulso e teme pela segurança dela, enquanto Dave (Josh Hartnett) se cansa de esperar por notícias e pensa em resgatar o pessoal da universidade por conta própria.
Também participam Chyler Leigh, Greg Germann, Ben Ziff, Micah Alberti, Michelle Forbes e Holt McCallany.

Leo Oliveira

Mensagens : 169
Data de inscrição : 17/10/2010

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

3.01 a 3.03!

Mensagem  Harbor em Dom Mar 03, 2013 6:51 pm

Era para o comment ter ido ao ar na terça em comemoração ao seu aniversário, mas a falta de luz e aquela bagunça básica de sempre impediram. Mas, hey, entreguei presente de Lupe com atraso também, então assim não favoreço ninguém! Smile E antes que se preocupe, Time 2.16 é o próximo da minha lista de comments e deve recebê-lo ainda essa semana também. Além disso, já estava mais do que na hora de eu voltar a comentar Skills, huh?

# 3.01
Olha, para ser bem honesto, não curti muito esse episódio não.E algo me diz que já não está gostando do meu presente, LOOOL. É que o início do plot dos índios é algo que não me animou muito, mas tenho certeza que logo estarei amando ver Christy confrontando a mãe por achar que ela está envolvida no sequestro de Ryan e Nick e fico ansioso para ver o que virá disso.

Aliás, essa volta repentina de Nick foi bem furreca, hein? Quer dizer, teve ataque de pânico e agora decidiu voltar? Aposto que Haley ligou dizendo que tava pronta para liberar geral e só por isso Nick decidiu voltar. Wink De qualquer forma, não critico retorno, porque Skills sem Nick não tem a menor graça e agora que tá isolado com irmão vão ter que resolver a picuinha e espero que não façam muito draminha.

Por falar em draminha, fizeram minuto de silêncio para Matt, mas aparentemente seu sacríficio ainda não serviu de nada porque grupo tá completamente dividido e Jen e Dave são obrigados a ficarem separados dos demais pra ficarem fazendo piadinhas. Dave, na verdade, ainda encontra tempo para fazer aposta com Rob, que agora é fixo, YAY! Lógico que arranjará emprego no Instituto, né, gente? Mas nem reclamo, porque instituto já chegou com tudo trazendo à tona maluquices de Christy e tô curioso para saber como os demais vão lidar com essa descoberta.

E preciso finalizar dizendo que nem lembrava que pai de Rob era um dos donos do Instituto, gostei muito disso porque permite que Rob se integre ainda mais às histórias agora que é fixo! Fora que simpatizo com Grantzinho! Smile

# 3.02
E não é que as coisas melhoraram? Laughing Como essa temporada vem com histórias completamente novas, mas com certa ligação ao que já vimos, é natural que demore um pouco a nos acostumarmos às novidades, mas a verdade é que já estou me interessando muito para os rumos que estão sendo desenhados na série. Até porque, como já percebeu, não lembro de muita coisa, LOOOOL.

Christy foi atrás de Charlize Theron para buscar respostas sobre Ryan, mas aparentemente ela não tem nada a ver com a história... Foi bom descobrir que foi ela quem ajudou a filha com a ressureição de Nick e a inércia de Mad, gosto quando as pontas soltas são amarradas. E eu sei que Charlize tem muito mais dedo nessa história, mas até acredito que ela acredite estar fazendo o melhor para a filha. E nem preciso dizer que já estou curiosíssimo para saber o que sairá do encontro entre ela e Mad. Aliás, bem bizarro a hora em que ela acaricia o rosto de Mad na foto e ela aparentemente chega para vê-la na mesma hora.

Mas que cena deliciosa de Haley fazendo pesquisa com Dave e Jen e nossa querida loira dizendo que Dave é tão homofóbico que matou seu cachorro porque ele estava balançando o rabo para um ptibull, crisei horrores! E o pior é que Haley finalmente descobriu a verdade e talvez vá fazer alguma matéria sensacionalista sobre Dave. Só fico com medo de que isso faça as coisas com Nick desandarem porque achei muito bom que ela não tenha ficado de mimimi e tenha se jogado para cima dele.

E é de maridinho que falo agora... Incrível como ele é tão enganável, gente, me identifico tanto! Mas claro, não acho que somos burros, apenas ingênuos! Smile Apesar disso, confesso que ri com Ryan lamentando ter um irmão tão burro e achando que é apenas uma compensação do universo, LOL. O que importa é que ele não está mais com tanta raiva assim do irmão e decisão dele não voltar foi justificada e fez sentido. Agora que isso foi resolvido, resta saber quem realmente os sequestrou.

E por falar em sequestro, isso fez Christy questionar se tomou a decisão certa em apoiar Ryan enquanto Jen acha que talvez não tenha como fugir dessa vida. E com ela no centro da confusão no próximo episódio, acho que é uma questão de tempo para ela e Dave se unirem ao grupo novamente; Dave por causa da história que Rob descobriu no Instituto e tudo mais. E vamos combinar que Jen precisa dessa adrenalina para não ficar de mau humor, até porque não é sempre que pode tirar uma com a cara de Haley.

Ainda preciso mencionar sobre as descobertas de Rob sobre as coisas que seu pai faz no Instituto e acho incrível como os pais dos personagens estão sempre metidos nessa história de habilidades ou experimentos bizarros, vai ver que os filhos não tinham mesmo como fugir de tudo isso. E é óbvio que Rob não vai conseguir ficar longe dessa investigação e vai querer tentar entender porque seu pai está modificando animais pros Hunger Games! Cool

Analisando o episódio como um todo, percebo como ele se complementa com o anterior e só me deixa animado para os rumos da temporada, porque muita coisa ainda vai acontecer e Jen e sua turma nem vão ter tempo pros estudos chatos! Razz

#3.03
E a história da temporada continua a ser desenhada e agora vemos Jen tendo que lidar com sua habilidade, ainda que queira ficar longe da confusão. Como já li sinopse do próximo, sei que vão tentar adormecer a habilidade dela e de Dave (o que sei que não vai acontecer, claro! Rolling Eyes ), mas isso não me impede de ficar curioso para saber como vai ser o desenrolar dessa história e como ela e Dave vão se convencer de que precisam ajudar o grupo, ainda mais agora que Jen tá toda fragilizada porque não conseguiu impedir que o seu sonho se concretizasse... E maridinho nem conseguiu consolá-la! Sad

Ryan finalmente descobriu que Martin ajudou na criação da fórmula e é interessante vê-lo aos poucos desconstruir a imagem que sempre teve do pai, quase de um ídolo. E claro, acho ainda mais interessante quando lembro que pai ainda está vivo, mas usando corpo de Waltinho. Gente, preciso chegar logo na quinta temporada! Neutral

Ai, gente, como Haley tá fofa! No episódio anterior, tava toda ingênua caindo na história de Jen e assanhada se jogando para Nick, agora mostra novos níveis de fofura ao decidir não divulgar sobre relacionamento de Dave e Rob para todo mundo. E isso é bom também porque permite que ela finalmente tenha seu “closure” com relação a Dave e entenda que não tinha nada de errado com ela. E assim ela fica livre para se comprometer totalmente com Nick, yay!

Buuuu, não tivemos encontro de Mad e Charlize na tela, mas pelo menos as partes relevantes foram comentadas e estou preocupado com o que Mad vai fazer com as informações que recebeu. Acho bom Rob dizer para amiga que ela precisa continuar viva porque Charlize é louca de pedra e Christy herdou um pouco disso e foi até internada. No entanto, quero muito que Mad vá mais a fundo nessa história maluca que Charlize contou para ela, LOOOL!

E por hoje é só, mas em breve tem mais! Smile

Harbor

Mensagens : 143
Data de inscrição : 12/03/2011

Ver perfil do usuário http://www.twitter.com/c_harbor

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Comentários dos episódios

Mensagem  Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum