Episódio #2.14 - I Will Buy You A New Life

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Episódio #2.14 - I Will Buy You A New Life

Mensagem  Leo Oliveira em Sex Jan 18, 2013 12:03 pm

É ano-novo em Crestview e, como não poderia deixar de ser, a insanidade toma conta da comemoração organizada por Courtney (Samaire Armstrong). Lucy (Joanna Garcia) se frustra por não poder ajudar Thomas (guest Ken Luckey) financeiramente e, quando discute o assunto com Ryan (Sean Faris), traz à tona o passado dos dois, ameaçando a relação do rapaz com Sadie (guest Caroline Dhavernas). Ben (Matt Long) recebe críticas de Paul (Tuc Watkins) e Luke (Travis Caldwell) pela maneira como vem tratando Aaron (Chord Overstreet), mas é o confronto com alguém inesperado que o obriga a repensar suas atitudes. Marjorie (Allison Mack) visita a família em L.A. e descobre novas informações com Richard (guest Neal McDonough). E Becky (Amber Stevens) recebe uma tentadora proposta profissional.
Também participa Cody Longo.

Leo Oliveira

Mensagens : 169
Data de inscrição : 17/10/2010

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Episódio #2.14 - I Will Buy You A New Life

Mensagem  Harbor em Dom Fev 03, 2013 9:16 pm

Quando anunciou hiatus a la ABC Family, esperava uma pausa de uns 3 meses... Aí resolveu retornar com a série na véspera do meu aniversário e, considerando que meu último comentário foi praticamente um mês antes disso, a verdade é que hiatus nem causou o sofrimento que eu esperava. Só que bastou eu começar a ler o episódio para constatar o quanto eu estava com saudades dessa série deliciosa e, mal terminei de ler, já quero mais. Smile

Um das minhas maiores dúvidas sobre o futuro da série com Ben deletando o romance dele com Aaron era como ficaria a cronologia da série e o que esse apagão geraria para os demais personagens. No fim das contas, acabou tomando uma decisão tão simples que nem nas minhas melhores confubalações conseguiria prever, LOOOOL. E verdade seja dita, amei muito que tenha nos situado no tempo atual com a situação dos demais personagens praticamente igual, só mesmo mudando a relação de Ben e Aaron. Claro que fico triste por alteração da relação deles não ter provocado nenhuma grande alteração quando a simples vitória de Marj na competição de arremesso de atum gerou uma estátua.
Outro aspecto que merece ser citado é a forma como as viagens têm sido abordadas. Já mencionei outra vez que, embora prefira não embarcar muito a fundo nas explicações, aprecio que tente explicar a dinâmica das viagens quando BE, por exemplo, nunca fez algo do tipo. E o fato de explicar tudo da forma mais simples possível é ótimo porque evita que tenhamos plots malucos de fumaças barulhentas de Pluct Plact Zum. Laughing Além disso, explicações levam para um caminho que incluirão Lucy nas dinâmicas das viagens (êêêê!) e algo me diz que essaas evoluções permitirão que, em breve, todos lembrem das duas realidades ou, então, que pelo menos Aaron relembre seu romance com Ben.
E antes de partir para os personagens, é necessário falar da abertura, gente! Amei muito que a abertura em vídeo tenha tido poucas alterações, com a troca de algumas cenas e a inclusão de Allison, dessa forma ficou ainda mais parecida com a abertura dos seriados reais na mudança de temporadas. Não me entenda mal, adorava as aberturas completamente diferentes que fazia a cada temporada, mas dessa forma parece que se aproximou ainda mais do padrão real das séries e está ainda mais profissional. Ou pode ter sido apenas preguiça sua e, se for esse o caso, finja que não e aceite o elogio! Very Happy Mas, mais importante que a abertura em vídeo, é a harmonia que Allisonzinha trouxe à abertura fixa da série... É verdade que, lá no início da série, a abertura era bem harmonizada porque formava casais tanto na vertical quanto na horizontal, mas, com tanta mudança nos casais, harmonia foi pro beleléu e fico feliz de ver que Time se enquadrou no padrão harmônico HXMXH! Laughing

E vamos logo falar do nosso protagonista...
Olha, um dos motivos pelo qual fiquei feliz com a cronologia atual da série, foi que só tivemos que aturar Ben maltratando Aaron por 1 episódio. Não odeio Aaron como outros fãs e até tenho um lado meu que é Baaron, então acabou sendo bem sofrido ver Ben menosprezando Aaron, por mais que fosse para nosso bocudo favorito ter ódio dele e seguir completamente em frente, ainda que não fosse exatamente em frente porque não teve nada com Ben em primeiro lugar! (Quero minha carta explicativa logo também! Razz ) E o mais incrível é que estratégia bizarra de Ben acabou dando certo e a imagem que Aaron tem do “ex” é a de um completo babaca. Aliás, gostei muito da cena em que Aaron diz as verdades para Ben, porque foi uma análise bem boa do comportamento de Ben, mas fiquei com coração partidinho também.
O pior de tudo é que, além de se privar de ficar com Aaron, ainda ficou em lenga-lenga com Ryan e quase perdeu a amizade com o pobre. Pra falar a verdade, se continuasse tratando Aaron mal, era capaz de perder a amizade de todos, porque momentos como o que ele é abandonado no restaurante seriam ainda mais constantes. O problema é que agora que parece que tudo vai encaminhar para um desenvolvimento Bryan, fico querendo que Ben consiga se redimir com Aaron e quem sabe fazer o triângulo voltar, LOOOOL! Aliás, ia amar Ryan virando amiguinho de Aaron agora que não o disputa com Ben para desespero do nosso protagonista... Quer dizer, ainda não o disputa com Ben, né? De qualquer forma, preciso dizer que estou me corroendo para ler logo próximo episódio com o primeiro encontro de Bryan.
Além de todos seu dilemas amoros, Ben ainda teve tempo de revelar maiores informações para Marjorie e ter diálogo tenso, mas divertidíssimo com Lucy. Amo muito quando toda a confusão que as dinâmicas das viagens no tempo vêm à tona, porque super me identifico com os personagens e criso horrores! Só espero que ajuda de Lucy não traga ainda mais problemas para a amizade dela com Ben.

E nossa ruiva rabugenta e bipolar favorita estava ótima. Assim como amei quando ela se deu conta de como era uma reclamona chata, amei também agora que se deu conta que tentou fazer a mesma coisa com Thomas que Ryan tentou com ela. Aliás, sempre me delicio com cenas de Rucy... Assim como Sadie, sei que não voltarão a ser um casal (e nem quero, série muito confusa amorosamente já!), mas me divirto muito com o resquício da relação que gerou essa amizade distorcida e divertida entre os dois.
Mas o melhor mesmo é que, com cronologia no tempo atual, Lucy ainda está com Thomas e os dois tiveram a chance de ter seu momento mais fofo na série com ele pedindo para ser demitido. Claro que ele quer ganhar uma merrequinha de indenização antes de ir pro ramo da publicidade, o que é justo para compensar as gorjetas gordas que deixou de ganhar depois que parou de seduzir todo mundo. Nem sei se futuro dele na publicidade será abordado, mas taí uma chance de matar as saudades de Pub com plots bizômicos de publicidade aqui. E fico feliz que os dois não trabalhem mais no mesmo ambiente, uma hora isso ia acabar prejudicando a relação, já tiveram muitos conflitos por causa disso, é bom que agora vão respirar novos ares.

Nem acreditei quando trouxe Sadie de volta, gente! Muito bom revê-la, porque é sempre muito fofa, ainda mais quando releva mal-estar apenas para acabar com Bradbury. E como não amá-la por dar chance para Ryan mesmo sabendo do imbróglio dele com Ben e depois aceitando romance com Lucy também? Aliás, Sadie é pessoa mais easygoing que já vi, gente, aceitou término tão bem só porque Ryan foi brutalmente honesto e revolucionou todos os clichês do gênero. George deveria aprender com ele e aposentar o compliment sandwich. E, como da primeira vez em que me despedi de Sadie, também fiquei triste com despedida dela agora, mas ainda prefiro que Ryan tenha sua chance de ser feliz ao lado de Ben e também aprovei a sua honestidade. E amo que Sadie pergunte para Court se ela também teve algo com Ryan e faça referêcia sobre Atari. Aliás, amo que esses personagens façam referência ao passado que nem viveram, como Paul falando de instalação do Facebook.
Voltando a Ryan... Confesso que achei pesado o tratamento que deu a Ben quando ele queria fazer maratona de filmes, mas até entendo que ele ainda queria tentar algo com Sadie. Mas, como não deu certo, já foi voltar às boas com o amigo. Tudo sem pressão, claro, e de uma forma tão fofa que fica impossível não amar. Sinto pena de Aaron e do apagão que sofreu, mas já tô shippando Bryan descontroladamente e já imaginando o que vão decidir sobre filhos.

Próxima da lista é Courtney que continua sendo a melhor organizadora de eventos da cidade. Depois da feira de profissões, do apocalipse zumbi e da rebelião das máquinas, temos agora a guerra contra Bradbury que resultou no arremesso dos sapatos e tudo o que tivesse pela frente, LOOOL.
Fiquei feliz também em ver Courtney tentando colocar juízo na cabeça de Ben explicando o porquê do afastamento de Ryan, gosto quando os Bourt têm seus momentos. Mas receio que isso seja o máximo para falar de Court hoje. Embarassed

Cheguei em Aaron e, como já esperava, seu romance com Will engrenou agora que ele não está com Ben. E nas atuais circunstâncias, Waaron ficaram ainda mais fofos, porque Will continua abrasivo, mas só quis defender o ômi dele. Impossível não amar o esbrega que deu em Ben e que culminou no “acerto de contas” dele com Aaron com nosso bocudo cuspindo todas as verdades que estavam entaladas. Fico com a vontade de ver Baaron se acertando ou pelo menos se entendendo e iniciando uma amizade, mas como Bryan está vindo aí e Waaron são fofos, não sei o que pensar, LOL. Fico satisfeito com a mudança de Will, embora seja ainda mais rápida que a de Brody, desde que seja ele mudando pra Crestview e não Aaron para LA.
Mas como disse antes, acho que experiência de Marj com Lucy gerará tanto avanço que permitirá que Ben "devolva" memória de Aaron e quem sabe até dos demais sem alterar essa linha temporal atual. Cool

Marj foi promovida ao elenco fixo, mas está de fora do próximo e passou o ano novo longe dos demais. Só que tudo isso perde um pouco da importância quando temos o pai dela preocupado se foi permissivo demais com os filhos, LOOOOOL. Já tinha achado bonitinha a relação dos dois da primeira vez em que foi mostrada e esse episódio veio apenas reforçar fofura dos dois. Tão fofos que até o coração de Lucy foi amolecido e ela estará disposta a ajudar... Tenho certeza que é mais pra usar do dom de Ben e Marj, mas tudo bem. E vale ressaltar aqui que amizade de Marj com Lucy e Ben é muito interessante e gera momentos divertidos. Ela já se integrou muito bem aos demais que já até considera Lucy sua amiga, embora ainda não admita. Quero ver mais do desdobramento da investigação sobre Allstar Junior e da invasão dos seus irmãos tão perdidos.
E trate de fazê-la honrar seu contrato porque quero também que comece a experiência com Lucy o mais rápido possível! Razz

E não é que conduziu história de Becky e Luke de uma forma que até dá pra aceitar que estão mesmo virando amigos e seguindo em frente? Claro que amei saber que Becky fica sabotando tentativas de Luke em se dar bem através do dela, mas também ele muito tolo em usar o site da ex com tantos outros no mercado. De qualquer forma, é necessário dizer que os dois estão sim funcionando muito bem como ex-namorados que viraram amigos e até me diverti com Becky tentando fazer Luke sair da seca. O bom é que agora Becky está indo muito bem com seu site e essa fusão pode abrir possibilidades interessantes de histórias para a personagem. E ela também já pode até pagar salário para Aaron para mantê-lo na cidade. O melhor é que dá pra sentir que ainda há um sentimento entre os dois e isso me anima porque, embora esteja curtindo a fase dos dois como amigos, torço para que um dia tenham uma nova chance. E amo que essa amizade venha se consolidar justamente agora que filho perdido de Luke está na cidade... Ou será que é de Ben? Shocked

Por fim, temos nosso querido ermitão solitário com dois filhos... Fiquei aliviado de ver que Putiney permaneceram intactos mesmo com a alteração feita por Ben e momento dos dois no barco com ele se oferecendo para morrer sem necessidade pra salvar Court foi muito fofo. Além disso, amei retorno da piada do FB, da ameaça que fez a Will, piadinha com imortalidade de Sadie e todo seu desespero por estar faminto, me identifiquei tanto com essa última! O bom de Paul é que, embora não tenha muito destaque, sempre me diverte e me deixa com sorriso no rosto. E agora vai ter que cuidar do netinho, mal posso esperar!

Antes de ir, preciso ressaltar que só agora com previously é que me dei conta do quanto a frase abaixo é UAM UAM!
LUCY: Eu te amo, mas sinceramente, se quisermos que as coisas sejam como antes, alguma coisa vai ter que mudar. Em mim, em você, no mundo se for preciso...

P.S.: Demorei tanto a comentar que Allison Mack já foi devidamente incluída na página de elenco e nem pude reclamar, buuu!

P.S.2: Não sei se vou me acostumar com cronologia atual de Time sem suas legendas temporais!

Harbor

Mensagens : 143
Data de inscrição : 12/03/2011

Ver perfil do usuário http://www.twitter.com/c_harbor

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum