Episódio #3.14 - Everybody Hurts

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Episódio #3.14 - Everybody Hurts

Mensagem  Leo Oliveira em Ter Mar 24, 2015 11:05 pm

A ausência de Luke (Travis Caldwell), Aaron (Chord Overstreet) e Jimmy (guest Quinn Broggy), que saem em um passeio sem itinerário certo e nem duração estabelecida, causa todos os tipos de reações exageradas em Crestview, e a relutância de Lucy (Joanna Garcia) em aceitar que se trata de um sequestro a coloca em problemas com Thomas (guest Ken Luckey), enquanto Paul (Tuc Watkins) supera os limites de desacato com o delegado Hudson (guest David James Elliott) e Becky (Amber Stevens) invoca a quinta emenda. Ben (Matt Long) externa sua insatisfação pelo relacionamento de Courtney (Samaire Armstrong) e Chad (guest Jesse Hutch), deixando Ryan (Sean Faris) numa situação delicada ao anunciar que se casou com ele apenas para atingi-la.
Também participam Ashley Benson e Daniella Monet.

Leo Oliveira

Mensagens : 169
Data de inscrição : 17/10/2010

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Episódio #3.14 - Everybody Hurts

Mensagem  Harbor em Dom Maio 31, 2015 6:48 pm

Amo que você sempre jogue umas bombas no fim de algum episódio para ignorar completamente no seguinte... Foi assim com Aaron e suas realidades paralelas e agora fez o mesmo com Ryan atropelando Aaron! E algo me leva a crer que é sobre o atropelamento que os dois discutem no casamento nos flashfowards da premiere, mas pode ser que estejam apenas acertando uma orgia e eu tô aqui divagando! Sad
E só agora, reclamando da ausência desse plot, é que me dei conta de que Marj nem apareceu nesse episódio, LOL. Mas talvez tenha sido melhor assim, porque literalmente todo mundo se machucou nesse episódio e Marj se salvou, deve ter ficado de boa lá com Sarah tesourando! Rolling Eyes

Ben mostrou que casamento está afetando sua personalidade e já está sem filtros falando diversas besteiras... Mas, por mais que eu ache que tenha pegado pesado na forma como se expressou, pelo menos ele colocou pra fora e não guardou pra ele. Só precisa mesmo trabalhar na forma de como expor sua opinião e aparentemente a solução pra isso é ser preso. E sendo contra ou não ao envolvimento de Court com Chad, ele deve reconhecer que Chad manteve a calma e não partiu pra agressão no carro, então realmente ele teve uma mudança ao longo dos anos! E só perdoo tudo porque Ben estava preocupado com irmão e ainda desenterrou o terrível trauma de ter perdido carona pro campeonato de arremesso de atum, pobrezinho!
Mas claro que a melhora de Chad e o fato de Ben ter feito as pazes com Court e estar disposta a aceitar o atual dela importa porque, apesar de odiar Chad pelo passado, problema maior de Ben no presente é que Chad impede que Court seja a madastra dele, awww! Já quero casamento duplo de Bryan e Putiney com pai de Will mediando tudo! Laughing

Ryan fez um bom trabalho como mediador com o conflito entre Court e Ben e aí vai e destrói essa imagem sendo o responsável pelo estopim no de Thomas com os Higgins, LOOOL! O fato de Lucy não ter ficado muito mais chateada com Ryan por ele ter dado com a língua nos dentes me encuca um pouco e até torço por uma briguinha razoável para resolverem logo essa questão e isso não virar um ressentimento em alguma briga mais séria. E mesmo tendo perdido a razão ao expor o que não devia, Ryan foi muito fofucho em as demais cenas deles e foi um deleite ver ele e Court sendo gêmeos fofos com ela toda chateada por ter perdido o casamento do irmão com a alma gêmea dele (que é um homem, veja que desbunde!).

Se eu já tinha cagado pro fim de Juke com Jill bancando a despirocada, o que dizer pro de Tucy depois de showzinho de Thomas?
Mas sério, por mais que eu entenda todo o lado dele e até tenha ficado encucado com o questionamento que ele levantou sobre Lucy sempre estar a mercê de Ben e o inverso nem sempre ocorrer, a verdade é que Thomas é apenas um guest (muito adorável quando não faz ultimatos, diga-se de passagem, morri muito com história do amigo do FBI, por exemplo), entretanto não chega aos pés de qualquer um dos fixos, não é mesmo? Como eu disse no comentário anterior, acho que Lucy amadureceu bastante ao lado de Thomas e foi o primeiro relacionamento realmente saudável e estável que teve depois de Vince (por mais que eu tenha amado Rucy, eles não contam, né?), então ainda tenho uma esperança de que haja uma luz no fim do túnel e esse casal possa ser salvo! No entanto, Lucy só viu lado de Higgins na história e tava cagando pra Thomas tendo sua primeira crise paternal... Ou seja, acho difícil Tucy se acertarem, mas nada é impossível, não é mesmo?
Outro ponto importante a ressaltar é que, por mais que eu não veja como o quarteto fantástico possa se desvincilhar, realmente um pouco de afastamento em algumas áreas da vida deles talvez caísse bem. Por mais que eu tenha amado Ryan jogando na cara de Thomas o que ele disse sobre Jimmy, a verdade é que não cabia a ele falar isso. Já sobre Ben cagar pra Lucy, se não me engano, a questão de Ben não ter levado Lucy na viagem já foi discutida anteriormente, mas posso estar enganado, claro! De qualquer forma, agora estou ansioso pra ver Lucy questionando Ben sobre tudo que foi apontado.

Court teve que lidar com várias bombas ao mesmo tempo, huh? Além da birra de Ben com Chad, precisou aceitar que não participou do segundo momento mais importante pra ela (considerando que o primeiro foi um desastre). Fico feliz que ela tenha bancando a mais madura (com direito a fotos do amigo no chilindró) com relação a Ben e foi falar com ele para resolver a situação de uma vez por todas e aí de quebra teve toda aquela enxurrada de informações sobre Paul... Verdade seja dita, Chad tem se mostrado uma pessoa melhor desde que voltou e deu exemplo disso ficando calado enquanto Ben pegou pesado com Court no carro, além de ter ajudado a pobrezinha nesse momento em que o coração dela estava sofrendo... Só que é aquilo, né? Putiney é endgame e Ben precisa de sua madastra, então não vejo muito motivos para Chatney continuar, ainda mais agora que Court foi primordial em ajudar Paul na pior crise da diabetes. Só espero que, independente da condição de saúde de Paul, ele não banque o teimoso e acabe dando um jeito de afastar Court novamente!

E esse episódio foi mesmo focado a resolver/expor conflitos, huh? Outro exemplo disso é Aaron dizendo que Luke é BFF de merda! Mas realmente nos últimos episódios Luke só se importou mesmo com sua família enquanto Aaron precisava lidar com investidas de Marj, medo de estar despirocando e tentativa de entender tudo com ajuda de Marj indo pras cucuias. E, apesar de “abandono” de Luke, Aaron embarcou na loucura do amigo com direitos a piadinhas toscas e foi com ele no passeio. Agora que Luke não vai poder ficar cuidando de Jimmy em tempo integral talvez tenha mais tempo pro amigo... Ou não, né, agora que Paul resolveu ficar cego! Aaron vai ter que continuar a sofrer calado... Ou então pode sempre desabafar com Becky que, quando questionada sobre a loucura da coisa, provavelmente invocará a quinta emenda! Wink

Amo muito que Luke tenha decidido levar Jimmy para uma passeio sem itinerário certo nem duração estabelecida, mas não tenha pensado adequadamente sobre o plano como com a questão do celular, por exemplo. Muito bom vê-lo desempenhar a função de alívio cômico enquanto Paul tava ocupado ficando cego, mas ainda melhor foi ver o desenvolvimento do plot dele. Se analisarmos toda a trajetória do personagem, temos o relacionamento com Becky que era duradouro, mas terminou porque ambos queriam coisas diferentes. E com Jill ele encontrou justamente as coisas que queria quando tava com Becky, mas não podia recebê-las da forma que queria. Quer dizer, até recebeu durante um tempo, mas com Thomas entrando na jogada, tudo foi pras cucuias... Talvez seja meu otimismo iludido falando alto, mas creio que ele possa encontrar tudo que realmente precisa e merece com seu próximo par e quem sabe tanto Becky quanto Jill apenas o ajudaram a se preparar pra isso. Afinal, acredito que essas duas relações o tenham preparado pra isso.
De qualquer forma, o que importa é que “sequestro” serviu pra ter momentos de descontração entre Luke e Aaron antes da DR dos dois e ainda apresentou garçonete adorável e divertida que aparentemente terá uma importância na série (será que é o par definitivo de Luke?)... E claro, o mais importante foi ver que, mesmo com toda a confusão que Luke causou com seu plano pouco elaborado, isso serviu para Jimmy ditar as regras sobre sua vida. Óbvio que ele é apenas uma criança e não pode dizer tudo o que deve ser feito, mas ele nem ao menos opinava sobre o que realmente sentia e isso talvez seja a mudança mais importante agora.

Invoco a quinta emenda pra falar de Becky! Laughing Juro que achei que ela ia ter um papel mais efetivo na investigação contando alguma história mirabolante, mas surtiu também o efeito de divertir ao ficar calada, LOL!

Depois de evoluir no plot tecnológico, Paul mostrou que é muito mais que um alívio cômico ao tentar conduzir a investigação do “sequestro” de Jimmy de forma mais eficaz que Jebediah e já estava até torcendo para ele se tornar o novo delegado da cidade. No entanto, aparentemente você tem planos mais dramáticos pro pobrezinho... Ai, gente, sinceramente torço para que a visão dele não seja muito afetada, mas sinceramente não sei o quanto a diabetes pode interferir a longo prazo na visão de alguém, só sei que interfere... Prova disso foi meu dentista aplicando anestesia no lugar errado quando fui fazer canal. Mas torço pela melhora de Paul! Very Happy

GENTE, você é muito troll mesmo! Tô morrendo com literidade de promo de Paul abrindo os olhos, LOL!

P.S.: No fim das contas pode ser mesmo que Jill e Thomas formem uma família feliz com Jimmy... Será que Lucy e Luke buscarão consolo um no outro? Razz

Harbor

Mensagens : 143
Data de inscrição : 12/03/2011

Ver perfil do usuário http://www.twitter.com/c_harbor

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum