Comentários dos episódios

Página 1 de 2 1, 2  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Comentários dos episódios

Mensagem  Luciano Guaraldo em Sab Mar 03, 2012 5:46 pm

Comente aqui os episódios da série!
avatar
Luciano Guaraldo
Admin

Mensagens : 211
Data de inscrição : 15/10/2010
Idade : 31
Localização : São Paulo - SP

Ver perfil do usuário http://www.tvsn.hol.es

Voltar ao Topo Ir em baixo

#1.01 - "Curveball"

Mensagem  Luciano Guaraldo em Dom Mar 04, 2012 8:12 pm

NO STRINGS ATTACHÉ'D #1.01 - "Curveball"
Josh Nicholls (Alexander Ludwig) recebe a surpresa de sua vida quando é convidado para trabalhar na embaixada norte-americana em St. Jude's. Ao chegar no local, ele conhece seus novos colegas e, rapidamente, descobre que profissionalismo não é qualidade mais procurada nos funcionários.
Também estrelam Andrea Bowen, David Henrie, Chelsea Kane, Kevin Zegers e Pamela Anderson.
avatar
Luciano Guaraldo
Admin

Mensagens : 211
Data de inscrição : 15/10/2010
Idade : 31
Localização : São Paulo - SP

Ver perfil do usuário http://www.tvsn.hol.es

Voltar ao Topo Ir em baixo

#1.02 - "Worthy"

Mensagem  Luciano Guaraldo em Sab Mar 10, 2012 3:11 pm

NO STRINGS ATTACHÉ'D #1.02 - "Worthy"
Quando Josh (Alexander Ludwig) acidentalmente concede visto a um assassino foragido, Elliot (Kevin Zegers) o ofende, e ele começa a questionar se merece o cargo na embaixada. Tamara (Andrea Bowen), então, sugere que ele procure o professor que deu o trabalho para ele (guest Adam Harrington). Enquanto isso, Mason (David Henrie) e Allison (Chelsea Kane) também questionam o que Elizabeth (Pamela Anderson) pensava quando os contratou.
avatar
Luciano Guaraldo
Admin

Mensagens : 211
Data de inscrição : 15/10/2010
Idade : 31
Localização : São Paulo - SP

Ver perfil do usuário http://www.tvsn.hol.es

Voltar ao Topo Ir em baixo

#101

Mensagem  Leo Oliveira em Ter Mar 13, 2012 5:14 pm

Que delícia de piloto (mas não tão delícia quanto Pan Am, né gente) teve No Strings Attaché'd, essa série tão irônica que tem nome francês e, ao contrário dos dramas altamente cômicos do renomado produtor Lupe Guaraldo, é uma comédia altamente dramática (apesar de eu rir muito também).

Só Deus (e o próprio Luciano) sabem o quanto demorei a me acostumar à ambientação da série (afinal, St. Jude’s é mucho mucho loco) e captar o espírito dos personagens, mas deve ser porque li um monte de cenas avulsas de outros episódios antes do piloto, quando peguei tudo na ordem ficou muito mais fácil!

De cara, já posso dizer que o grande destaque é a inigualável, absoluta, salve-salve Tamara Bailey, quem idealizou a criação dessa personagem é um gênio de talento indescritível, qualquer coisa que colocar na boca dela (mas de preferência muitas coisas ao mesmo tempo Twisted Evil ) vai ser repercutido mundo afora e transformar NSA na verdadeira TV to talk about. E o bom é que Tamara já começou fazendo o que sabe fazer melhor, dar as boas vindas para alguém!

Alguém que por sinal é o protagonista da série e, embora tenha ficado muito confuso com rebatidas no baseball em série sobre embaixada, gostei bastante do jeito metafórico muito sutil de Josh, comparando bolas curvas com a surpresa que foi ser convocado para a embaixada onde, veja só, também rebateria muitas bolinhas.

O outro destaque fora o casal protagonista é, obviamente, Pamelão Anderson mais traveco do que nunca, arrasando como embaixadora maluquete que se locomove em Segways, tem muito potencial cômico para explorar essa quenga!

E por falar em potencial, foi só o que consegui ver em Mason, Allison e Elliot por enquanto. O primeiro porque faz piadas com pilhas que apesar de ter tido muito tempo pra pensar, até hoje não entendi completamente, a segunda porque apesar de ser interpretada pela antiaderente Not Alex, soa como uma bitch sem motivação às vezes e o último porque é meio amarguinho e workaholic demais para o meu gosto. Mas não leve isso como uma crítica despropositada, acredito que personagens precisam mesmo ter defeitos, mas ainda estou esperando algo que me faça me apegar a eles como os outros três fizeram. Quem sabe um trauma com caranguejos?

É isso aí, espero muito mais aventuras da pesada do cara novo e sua turminha tresloucada nessa embaixada que é um barato só!

Leo Oliveira

Mensagens : 169
Data de inscrição : 17/10/2010

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Comment 1.01

Mensagem  Harbor em Sab Mar 17, 2012 1:50 pm

A primeira coisa que pensei ao terminar de ler o piloto de NSA foi que era a sua série que menos tinha cara de ser sua. Talvez uma série do Álvaro Leite (ou qualquer que seja o nome do seu Suzana Ferreira)... Mas a verdade é que após ler comentário do Leo é que saquei tudo. Fato é que NSA é sua comédia mais dramática, embora cumpra muito bem o papel de entreter comicamente.

Essa impressão talvez seja pelo fato da série ter os offs reflexivos de seu protoganista permeando as histórias apresentadas, o que é muito bom, pois, além de entreter, série cria um ambiente bem intimista. Dessa forma, podemos nos divertir ou importar ainda mais com as loucuras aprontadas por esses personagens.

Aparentemente Josh será um protagonista que terá seu destaque toda semana, mas nesse primeiro momento passou um sentimento de identificação conforme íamos conhecendo com ele a embaixada e seus tresloucados funcionários... Sua dinâmica e química com Tamara foram ótimas e, embora ainda não tenham tido cenas num contexto mais romântico, já torço para que casal se concretize, embora tenha lá minhas desconfianças de que sambará em nossas caras juntando ele com Allison.

Como Leo disse, Tamara já começou a série fazendo o que sabe de melhor, dando as boas vindas a alguém. Achei muito bom reaproveitá-la, outros personagens de séries que estão em hiatus indeterminado ou canceladas mesmo poderiam dar as caras em NSA ou até mesmo em outras séries. De qualquer forma, Tamara realmente foi o destaque do piloto e espero ver mais babblações dela.

Mason e Allison tiveram uma dinâmica de implicância digna de irmãos e foi bem divertofo até, mas não tenho muito mais a falar deles. Somente que fiquei muito intrigado com fato de já estarem trabalhando numa embaixada, principalmente Mason... Muito novinhos, mas como isso já foi devidamente explicado no segundo episódio, sigamos em frente.

NSA não seria uma série sua se não tivesse um ator queridinho seu e Kevin Zegers está aí para mais um papel em série sua. Até agora, já esteve em "Stunt", "The Building" e aquela série do colégio interno que esqueci o nome. Embarassed
Mas diferentemente de outros personagens interpretados, Elliot ainda não me conquistou. É muito ranzinza e implicante com o cara novo. E acho que isso é bom, não podemos gostar de todo mundo de cara, certo?

E finalizando, temos a presença de Pamela Anderson no elenco. Só isso já seria um desbunde de diversão, mas vê-la usando e abusando de Segways e de toda a verba da embaixada para coisas bizarras é ainda mais divertido. Sem falar que é chefe louquíssima que sempre movimentará a história com suas extravagâncias. Mal posso esperar! Smile

Harbor

Mensagens : 143
Data de inscrição : 12/03/2011

Ver perfil do usuário http://www.twitter.com/c_harbor

Voltar ao Topo Ir em baixo

Comment 1.02

Mensagem  Harbor em Sab Mar 17, 2012 5:33 pm

Ao ler piloto, uma das coisas que mais me incomodou na série foi um bando de pirralho trabalhando numa embaixada. Ok, sei que não são pirralhos, mas sempre imaginei embaixada com gente velhaca. E fato de Mason ser o filho do Ted em HIMYM e ser Disney material talvez tenham contribuído para essa minha visão. De qualquer forma, Elizabeth explicou bem o porquê de ter escolhido gente inexperiente para os cargos e, embora ache arriscado (e ela também acha!), até o presente momento nada muito grave aconteceu. Quer dizer, não sei quais foram os desdobramentos do bombardeio no Haiti para afirmar isso. Rolling Eyes

O bom é que toda a confusão envolvendo o visto de Ricky Morales serviu para conhecermos um pouco mais de como Josh chegou à embaixada. As cenas com seu professor foram muito divertidas, principalmente a última, na qual descobre que foi a terceira opção para o cargo. Sei que não foi muito bom para o personagem, mas eu me diverti com a situação. Embarassed E todo esse plot serviu para mostrar uma aproximação maior entre ele e Tamara.

Como sempre, Tamara falou horrores, mas foi muito fofa em sua tentativa frustrada em fazer Josh se sentir melhor e ignorando pedido claro de deixá-lo em paz. E confusão de prostitutas muito divertida mesmo sendo narrada. Acho esse jeito dela de se preocupar com as pessoas muito bom, mas acho que ela tá se preocupando demais com Josh... Será que teremos Tosh em breve?

Para mim, Mason e Allison parecem o mesmo personagem. É sério, até agora os dois fizeram praticamente a mesma coisa nos episódios. Nesse, por exemplo, ficaram especulando motivos de contratação de Josh e atacando o pobrezinho sem nenhum motivo. Mas como próximo episódio aparentemente dará um destaque para Allison, talvez seja a chance de mudar essa percepção sobre eles. Outra forma seria mostrar a confusão dos tomates! Laughing
De qualquer forma, mesmo parecidos, a dupla dinâmica continua me entretendo.

Elliot continua amargo e ranzinza... Embora tenha tido motivos para surtar com Josh, quem fez a confusão toda foi ele. E é tão ranzinza e orgulhoso que nem se deu ao trabalho de pedir desculpas. E confesso que fiquei curioso para saber qual foi a grande burrada que fez no início do seu trabalho.

Por fim, temos Elizabeth que, embora não tenha se locomovida em Segways hoje, colocou ordem na Embaixada explicando sua estratégia intencional de contratar gente inexperiente. E muito bonitinho vê-la chamar Josh pelo nome ao invés de cara novo. Agora só falta Elliot dar o braço para torcer.

Que venha o destaque de Not Alex! Smile

P.S.: Acho que lembrei nome de série do colégio interno! É Hoogerston, não é? Mas considerando que só teve 9 episódios e que lançou umas 10 séries depois disso, meu esquecimento é compreensível. Rolling Eyes

Harbor

Mensagens : 143
Data de inscrição : 12/03/2011

Ver perfil do usuário http://www.twitter.com/c_harbor

Voltar ao Topo Ir em baixo

#1.03 - "Date"

Mensagem  Luciano Guaraldo em Sab Mar 17, 2012 10:16 pm

NO STRINGS ATTACHÉ'D #1.03 - "Date"
Josh (Alexander Ludwig) decide investir em sua paixão por Allison (Chelsea Kane), mas, com medo de ser recusado, acaba tendo que lidar com uma tarde na praia com Mason (David Henrie) à tiracolo. Enquanto isso, Elizabeth (Pamela Anderson) dá uma missão importantíssima (e nada profissional) para Tamara (Andrea Bowen) e Elliot (Kevin Zegers): encontrar um homem com quem ela possa transar.
avatar
Luciano Guaraldo
Admin

Mensagens : 211
Data de inscrição : 15/10/2010
Idade : 31
Localização : São Paulo - SP

Ver perfil do usuário http://www.tvsn.hol.es

Voltar ao Topo Ir em baixo

Comment 1.03

Mensagem  Harbor em Dom Mar 18, 2012 9:00 pm

Terceiro episódio no ar e já podemos afirmar que será tradição da série ter títulos com apenas uma palavra, huh?

Sobre o episódio em si, não é que acertei e colocou Josh para se atirar em Allison? Mas o mais engraçado é que ela puxou Mason para o fatídico encontro... Já me contentei que esses dois vão estar sempre juntos em cena e até gosto disso e já consigo diferenciá-los melhor. Fato é que até deu peninha de Josh querendo um encontro com Allie e disfarçando o mesmo por medo de ser rejeitado. No fim das contas, quando ele tomou coragem, foi rejeitado. Buuu, Allison, buuu! Acho que tudo isso tem muito a ver com a história envolvendo com Andrew, que deixei passar batido no comentário do piloto, mas que agora já me chama atenção e já clamo por maiores explicações a respeito do assunto.
De qualquer forma, Josh não conseguiu deslanchar com Allison, mas quem sabe com Tamara, hein? Laughing

Se bem que dinâmica de Tamara e Josh muito boa e formariam um casal tão, mas tão bizarro, que fiquei tentado a torcer. Rolling Eyes
Sério, dupla dinâmica em busca do prazer da patroa muito divertida e Elliot até foi fofo com sua amargura, PIUI. E até teve momento ótimo querendo retaliar politicamente Barbados.
Porém, mais uma vez, foi Tamara quem roubou a cena. Tive uma síncope na cena em que descreve características vagas que procuraria nos pretendentes da patroa. Além disso, todo o empenho em cumprir essa missão importante foi muito bom e gostoso de acompanhar, sem falar que rendeu ótimos diálogos entre ela e Elizabeth. Way to go, Tamara!

Aliás, Elizabeth voltou a ser chefe louca do piloto. Discurso sobre seca sexual dela surrealmente divertido. Melhor ainda foi ela ameaçando funcionários se os mesmos não cumprissem missão. Amo falta de profissionalismo dela e estava certo em dizer que essa louca vai sempre movimentar as histórias.

Embora Allison não tenha cedido aos encantos de Josh e tenha sido ótima aloprando o pobre cara novo levando Mason a tiracolo no encontro, ela definitivamente ganhou muitos pontos comigo ao relatar seu difícil trauma com caranguejos. Aliás, tive outra síncope com relato do caranguejo mal cozido por chef japonês. E Mason e Josh fazendo piadinhas do trauma da moça só deixaram a situação ainda melhor. E não caí nessa história de que ela tá com Riley, acho que teve um trauma ainda maior com Andrew do que teve com caranguejos e tem medo de se envolver com Josh. O que é uma pena, pois esse daí definitivamente tem um olhar compreensivo e uma alma honesta. Razz

Que venha a valorização do amor no parque de diversões! Very Happy

Harbor

Mensagens : 143
Data de inscrição : 12/03/2011

Ver perfil do usuário http://www.twitter.com/c_harbor

Voltar ao Topo Ir em baixo

#1.04 - "Awkward"

Mensagem  Luciano Guaraldo em Sab Mar 24, 2012 8:12 pm

NO STRINGS ATTACHÉ'D #1.04 - "Awkward"
Disposto a fazer algo diferente, Josh (Alexander Ludwig) convida os colegas de trabalho para um evento que movimenta St. Jude's anualmente, o Festival de Nuestra Señora de la Rosa Mística. Porém, ele sente dificuldades para superar o clima de desconforto com Allison (Chelsea Kane), especialmente porque ela vai ao festival acompanhada do namorado (guest Craig Horner). Enquanto isso, um jantar com Elizabeth (Pamela Anderson) e seu ex (guest Jonathan Firth) faz Elliot (Kevin Zegers) reavaliar os limites de seu profissionalismo.
Também estrelam Andrea Bowen e David Henrie.
avatar
Luciano Guaraldo
Admin

Mensagens : 211
Data de inscrição : 15/10/2010
Idade : 31
Localização : São Paulo - SP

Ver perfil do usuário http://www.tvsn.hol.es

Voltar ao Topo Ir em baixo

#1.05 - "Andrew"

Mensagem  Luciano Guaraldo em Sab Abr 14, 2012 7:57 pm

NO STRINGS ATTACHÉ'D #1.05 - "Andrew"
Depois de se desentender com Elizabeth (Pamela Anderson), Elliot (Kevin Zegers) encontra Andrew (guest Drew Roy), que o ajuda a repensar sua vida, em meio a flashbacks que mostram o que verdadeiramente aconteceu na embaixada meses atrás.
Também estrelam Alexander Ludwig, Andrea Bowen, David Henrie e Chelsea Kane.
Também participa Craig Horner.
avatar
Luciano Guaraldo
Admin

Mensagens : 211
Data de inscrição : 15/10/2010
Idade : 31
Localização : São Paulo - SP

Ver perfil do usuário http://www.tvsn.hol.es

Voltar ao Topo Ir em baixo

#1.06 - "Lockdown"

Mensagem  Luciano Guaraldo em Sab Abr 21, 2012 11:03 pm

NO STRINGS ATTACHÉ'D #1.06 - "Lockdown"
Quando um atentado terrorista ameaça a segurança dos funcionários da embaixada, Elizabeth (Pamela Anderson) leva Josh (Alexander Ludwig), Tamara (Andrea Bowen), Mason (David Henrie), Allison (Chelsea Kane) e Elliot (Kevin Zegers) para o abrigo. Mas, com os ânimos exaltados, forçar a convivência deles pode ter consequências explosivas.
avatar
Luciano Guaraldo
Admin

Mensagens : 211
Data de inscrição : 15/10/2010
Idade : 31
Localização : São Paulo - SP

Ver perfil do usuário http://www.tvsn.hol.es

Voltar ao Topo Ir em baixo

#102

Mensagem  Leo Oliveira em Ter Maio 01, 2012 1:16 pm

Acho um despautério sem fim comentar o segundo episódio sem você sequer se dignar a responder comment sobre o piloto que Harbor e eu fizemos há 500 anos, mas decidi ser the bigger person e prestigiar essa delícia mesmo assim. E esse 2º episódio só vem confirmar que "Those Are String, Pinocchio" é a série mais não-lucianística que já fez, o que só mostra que está evoluindo como autor e saindo de sua zona de conforto, me preocupando em ter que fazer o mesmo e desenvolver trama que ninguém espera de mim, tipo sei lá, conspiração governamental. Mas digresso...

Não sei se é a famigerada 2ª temporada de LIP que mostrava que todo professor de faculdade era semi-pedô (não pode escrever palavra inteira senão fórum sai do ar, né?) e pegava os aluninhos de jeito, mas passei o episódio todo com a impressão de que Josh teria que fazer favores excusos para o pai de Thomas Dekker pra garantir o cargo. Ainda bem que não foi nada disso e ele foi só a 9ª opção do sr. McDonnell, né? Quer dizer, "ainda bem" pra mim, porque Josh me pareceu tão traumatizado com a revelação que acho que preferia fazer favores excusos pra garantir que seria opção nº 1. De qualquer forma, acho bacana que esteja se aprofundando tanto na personalidade de seu protagonista assim no 2º episódio, parece até que não é leading man em série da TVSN! Vai ter que corrigir essa loucura fazendo um episódio em que quase não apareça, né?

Mas confesso que ainda melhor que esse aprofundamento psicológico (moedinha) foi o famigerado plot de Josh trazer um terrorista para a ilha achando que era um tocador de salsa cristã, ainda mais porque despertou toda a fúria de Elliot, que já é oficialmente o Lucian Lime dessa série, sempre muito irritado e irritante (mas no sentido de parabéns). Conheço de perto o trabalho de Ricky Morales e aposto que acalmaria Elliot fácil com a bela canção que compôs com seu filho, ao contrário de Tamara, que pode ser muito fofucha, mas é um fracasso como mediadora em assuntos diplomáticos da embaixada. Ainda bem que função dela na série não é essa e sim detonar ainda mais a vida de Josh fazendo ele descobrir que é 17ª opção do professor e me fazendo torcer loucamente pelo casal no processo, certo? Geez, acho que fui um pouco sádico nessa declaração!

Agora que me dei conta, esse episódio teve mais plots do que série de uma hora, porque a especulação de Mason, Allie-bitch e Tam sobre os motivos para Elizabeth contratar Josh sem ter motivos para isso tiveram mil desdobramentos:
1) Insinuação de que a safada quer pegar tudo o que se move na embaixada. 2) Mason indignado por acharem que não conseguiria pegá-la e consequente rejeição que sofreu porque não faz o tipo dela. 3) Josh ouvindo toda a discussão no corredor e sofrendo mucho, muchissimo porque todo mundo duvida da capacidade dele. 4) Plot tartaruguinha em que descobrimos que Josh é o filho perdido da quenga (Tam não perde uma mesmo). 5) Discurso maravilhoso de Eli revelando que contratou um monte de gente da Disney porque também não sabe o que está fazendo e quer que cresçam na profissão junto com ela, awnnn, ET alien e totalmente delusional também. 6) Oportunidade para que eu use a palavra "consequente".
Maria pode bailar duas vezes numa única situação, acho que isso é algum tipo de recorde e só mostra que "Broken Strings" é uma das séries mais ousadas e complexas dessa temporada, explorando várias facetas (!) dos personagens e situações com direito a comédia, drama e se bobear até naturalidade de sic-fic!

E como se isso tudo não bastasse, ainda tivemos a estonteante reviravolta final, com Elliot tomando na urra (não literalmente, mas aposto que é só questão de tempo até Andrew aparecer) ao descobrir que gritou com todo mundo à toa e que Ricky Morales era mesmo salseiro cristão, fazendo Tamara e Josh salsarem na cara dele ao som de “Gracias Mi Dios”! Não tenho nem palavras pra descrever o quanto esse final me agrada, às vezes parece até que fui eu que sugeri!

Leo Oliveira

Mensagens : 169
Data de inscrição : 17/10/2010

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

#103

Mensagem  Leo Oliveira em Ter Maio 01, 2012 1:31 pm

Para quem não sabe (aposto que ninguém fora o Luciano), algumas das cenas de "Date" foram as primeiras que li na história de "String Theory" e me fizeram instantaneamente odiar Allie-bitch, essa quenga, por ter a pachorra de pressionar Josh a reunir coragem para chamá-la para um encontro, só pra depois jogar Mason no meio da parada numa manobra sádica e imperdoável, sendo ainda mais desgraçada ao recusar o segundo pedido de encontro porque está com Riley (Eric Lively), de Offbeats, só porque ele tem o poder de atrair todo mundo.

Mas é lógico, tudo isso mudou depois que vi o pânico que Allisonzinha divide com Cassidy, de Three – And Then – Some, em relação a caranguejos, porque isso certamente humanizou muito a personagem e agora tenho uma relação de amor e ódio muito saudável com essa vagabundinha linda. E claro, qualquer plot que permita cenas com Josh sem camisa e Mason de camisa aberta, ambos de vermuda, merece a minha aprovação.

É claro que fora a semi-nudez gratuita, teve muito mais coisas aproveitáveis na situação, e nem sei como destacar as melhores. Restaurante em que Allie comeu quando criança deve ser muito bom, pra trazerem os caranguejos ainda em condição de morderem os clientes, obrigando-a a ser confortada de uma maneira que não a faça parecer louca, mas agora que estou devidamente inserido (sacanin) na dinâmica de "All Things Strings", o que se destacou mesmo revendo o episódio foi o fato de Mason afirmar categoricamente que não sairia em um encontro com alguém como Josh, muito pretty little liar. Twisted Evil

Outro plot do qual não fui muito fã quando li as cenas pela primeira vez (lembrando que li antes do piloto sequer existir) foi o de Elizabeth EXIGUIR que Elliot e Tamara encontrassem um parceiro sechual pra ela, achei muito surtado e não-fofissional. Como conhecer devidamente o personagem faz uma diferença enorme, ao me deparar com esse escândalo agora, acho perfeitamente normal e aceitável que Eli aja assim, porque não é mesmo fofissional coisa nenhuma e seu debut na série foi em cima de uma Segway, então tudo o que fizer a partir de agora será perfeitamente aceitável, até mesmo armar demissão de alguém com esquema megaevil! E vale destacar que a dinâmica de Tamara e Elliot na missão também foi muito bacana, se bobear até imagino uma aliança entre os dois no futuro.

Para terminar, faço aqui a observação de que se não estiver satisfeito com os comentários, a culpa é toda do bração de Josh no "comente o episódio", que sempre me distrai enquanto estou tentando me lembrar dos plots que acabei de ver, mas jur oque faço o possível para contornar essa dificuldade.

Leo Oliveira

Mensagens : 169
Data de inscrição : 17/10/2010

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

#104

Mensagem  Leo Oliveira em Ter Maio 01, 2012 3:16 pm

Muito espertinho nomeando o 4º episódio de "Puppet On A String" com a série mais deliciosa da summer season, me fez associar imediatamente Josh a Jenna, Tamara a Jake e Mason a Matty, assim esse triângulo ficará muito difícil de resolver!

Já samba muito na minha cara mergulhando fundo na mitologia de Tamara e sua paixão por parques de diversão, já que em LIP não podia ver um crocodilo gigante que já ia lá sapecar muito, toda peraltinha e acompanhada de Colin (por onde será que anda?), mas devo admitir que esse episódio foi muito mais forte para Mason, que mesmo sem força nenhuma para fazer o medidor subir, está dedicado a fazer outras coisas subirem beijando Josh com o falto pretexto de que quer ajudá-lo a superar estranheza da situação com Allie-bitch! E nem venha dizer que Josh não teve reações físicas ao beijo, porque li spoilers super comprometedores de "Lockdown" e sei que o danadinho ficará muito confuso com o que sentiu na hora H, demonstrando que novo slogan da TVSN, "é tudo puta e viado", nunca esteve tão ativo (ui!). Mas humor elegante à parte, realmente achei bem pitoresca a forma como a bissexualidade (ou flexibidade, já diria Kalinda) de Mason foi introduzida (!) na série, acho que ele era o último homem do elenco de quem eu desconfiaria, embora as fotos de David Henrie soltando a franga que vi depois disso mostrem que é o mais suspeito dos três.

Gostei também de ver que Riley, que não é Eric Lively, tem o seu appeal (afinal, é o procurador da legenda), mas tem incompatibilidades irreversíveis com Allie, o que logo a obrigará a fazer desse triãngulo Awkward um quadrado mucho loco. Se Josh é Jenna, Tamara é Jake e Mason é Matty, seria Allie a Tamara? Isso certamente deixaria as coisas bem confusas. Isso que nem citei que Riley gosta muito de uma teja, o que pode indicar que tá doidinho pra ter as coisas levantadas por Mason também, transformando esse jogo dos tronos da embaixada numa orgia sem precedentes.

Mais surpreendente que a flexibilidade de Mason e todo esse jogo de adivinhação de quem gosta ou não gosta de teja foi o surgimento do casal Eli e Elli, que sambou na minha cara com o velho esquema de fazer ciúmes pro ex que rendeu momento fofura bizarro de Elliot e culminou em beijo mais bizarro ainda dos dois. Achei fofa a maneira como tudo se desenvolveu, mas o fato de Pamelão parecer um travesti em todas as fotos de divulgação da série realmente não me deixa imaginar casais formados por ela e jovenzinhos da embaixada de maneira pouco chocante, por mais que também desconfie da predileção de Elliot por tejas. Acho que pros dois fazerem sentido só se Elli tiver interesse muito excuso por trás de agarrar Eli, mas não faria isso, faria?

Episódio que vem promete ser o mais mitológico e explodidor de cabeças ever, mas sendo muito sincero com você só consigo pensar em: bração de Josh! Nhammmm.

Leo Oliveira

Mensagens : 169
Data de inscrição : 17/10/2010

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

# 1.04

Mensagem  Harbor em Ter Maio 01, 2012 5:19 pm

Gente, que episódio mais estranho! Rolling Eyes E depois de semanas comentando Time After Time, eis que volto para comentar a série de drama mais repercurtida da temporada. Smile

Josh continua sendo um protagonista de importância e continua sendo um fofo! Sério, esse jeito ingênuo dele de que todo mundo vai se empolgar com as coisas como ele é encantador e como no processo de convencer os demais de que as coisas propostas podem ser boas, ele acaba se envolvendo em situações divertidamente constrangedoras, fica difícil não amar!
De uma forma geral, gostei de vê-lo interagindo com Mason e Tamara sobre como agir melhor com Allie e, no fim das contas, tomou uma atitude que pode, de certa forma, aproximá-lo dela sem nem perceber. Sim, porque a pobrezinha passou horas a fio ensaiando no seu quarto e Riley cagou baldes para ela.
Só que acho que Josh realmente está disposto a esquecê-la e, enquanto isso não acontece completamente, me divirto bastante com dinâmica dele e Tamara.

E já que falei nela, como não amar seu entusiasmo por parque de diversões? Muito divertido de ver e gosto muito de dinâmica de amizade entre ela e Josh. Depois de tentativa frustrada com Allie e beijo roubado de Mason, acho que Josh poderia encontrar algo mais que um ombro amigo em Tamara, mas devo dizer que dupla de irmãos de embaixada me deixou confuso com futuro de Tosh! Embarassed

Sim, porque revelação de bissexualidade de Mason já foi um choque por si só... Se bem que já deveria ter desconfiado em "Cupcake Wars", mas verdade é que Mason parece apaixonado por colega de quarto e nem quero que casal vá pra frente, mas também não quero que filho de Ted fique triste, tadinho!

Conhecer Riley só me fez torcer ainda mais pra Josh conquistar Allie... Seriousley, Riley é aussie muito metidinho, se ainda fosse surfista fofo que nem Terry. Espero que Allie abra seus olhos e veja que Josh tem muito mais pique que Riley, vide sua disposição na máquina de dança! E guerra entre assessores culturais poderia ser interessante.
E acho que não fim das contas já não quero mais Tosh tanto assim, LOOOL.

Por fim, temos Zabiott... Diferente de Leo, resolvi tirar o Eli/Elli do shipper, e, voilà, Zabiott... Fato é que Elliot se apaixonar assim por Elizabeth foi muito bizarro, talvez já guardasse sentimentos e nem soubesse, mas aposto que teriam aflorado na época em que buscou parceiro sexual pra ela... De qualquer forma, foi muito bom ver ele todo vulnerável com sua paixonite, chegou até a ser fofo, PIUI.
E Elizabeth é louca fofíssima que não pode ser desprezada assim pelo ex, então fico feliz que Elliot tenha defendido a chefinha. E não quero que casal se concretize, acho que Elliot poderia até render mais com Tamara do que com Elizabeth, mas vamos esperar para ver...

E próximo episódio já desvenda mistério de Andrew, é correr pra ler! Very Happy

Harbor

Mensagens : 143
Data de inscrição : 12/03/2011

Ver perfil do usuário http://www.twitter.com/c_harbor

Voltar ao Topo Ir em baixo

# 1.05

Mensagem  Harbor em Ter Maio 01, 2012 5:47 pm

Isso sim que eu chamo de episódio estranho!

Desde que os burburinhos sobre Andrew começaram no piloto, imaginava que o mesmo estivesse morto e que Elliot era secretamente apaixonado por ele... Depois, conforme os episódios foram passando, imaginava que história de Andrew envolvia algum escândalo sexual, mas não imaginava algo desse tipo... Sem falar que Andrew está vivo, PIUI, e algo me diz que Elliot é secretamente apaixonado por ele, LOL.

Sei que Elizabeth bem definiu que Andrew é o projeto de fim de curso de Elliot, mas como não pudemos ver como essa amizade se iniciou, fico com a impressão de que isso é mais do que um bromance, mais da parte de Elliot que de Andrew, claro.
Mas devo dizer que saber que Andrew ainda está vivo é bom e espero vê-lo se metendo em outras confusões com o povo da embaixada em breve. Até imagino que logo planejará alguma vingança. Rolling Eyes

Entendo que Allison tenha achado que Andrew fosse ficar no lugar de Elliot por estar dormindo com Elizabeth, mas fazê-lo ser demitido e garantir o cargo para ela fez com que ela perdesse muitos pontos comigos... Dessa forma, ela está até se igualando aos dois, por mais que promoção de Andrew não tivesse ligação com envolvimento dele com Elizabeth. Além disso, Riley apareceu novamente e continuo não indo muito com a cara dele, mas como Allie perdeu pontos comigo, por mim, podem continuar juntos, LOL.
E espero que no fim das contas quem ganhe cargo de Elliot seja Josh ou Tamara...

E já que falei neles, Josh só apareceu no final e cumpriu seu papel de narrador oficial. Enquanto Tamara foi bullynada por grande parte do elenco e aparentemente ainda namora Collin. Ou será que, nesse ínterim, terminaram?

Muito bom também foi ver início de amizade de Mason e Allison com os dois se provocando e estabelecendo dinâmica de implicância fraternal, achei diverfofo.

E pra finalizar, preciso dizer que fixação de Elliot por Andrew muito estranha... Talvez seja o fato de que Andrew é tão tosco, babaca e irritante quanto ele. Seriously, só isso explica. Mas como Elliot é fixo e foi fofo no episódio passado, estou disposto a relevar mais as atitudes dele, porque, no fim das contas, talvez esteja agindo assim porque não está em Paris agora, onde poderia estar tomando um belo café com Marissa com direito a canções dedicadas e visita a Torre Eiffel!

E episódio que vem será com todos na escotilha! E eu achando que esse já tinha sido mitológico! Laughing

Harbor

Mensagens : 143
Data de inscrição : 12/03/2011

Ver perfil do usuário http://www.twitter.com/c_harbor

Voltar ao Topo Ir em baixo

# 1.06

Mensagem  Harbor em Ter Maio 01, 2012 6:55 pm

E não é que abrigo era mesmo tipo a escotilha de Lost? Nem tinha lido episódio ainda e fiz esse comentário... Morri de rir quando Mason mencionou o fato, ainda mais depois que ele quis ouvir “Make Your Own Kind Of Music".
E adorei muito esse episódio "Dança das Cadeiras". Por mais que você não seja fã disso, era o que a série estava precisando, pois, como a própria Elizabeth disse, os problemas entre os personagens eram tão latentes que eles precisavam se reunir para acertá-los.

Durante a minúscula cena do Josh no episódio anterior, com ele dormindo no sofá, nem atentei ao fato de que ele estava fugindo de Mason... Acho ótimo que ele não saiba lidar com desconforto com Mason e Allison e sempre recorra a Tamara. Como eu sou muito do instável, preciso dizer que Tosh voltou com tudo e espero que se concretizem, ainda mais agora que ela deu indícios que sente algo pelo braçudo.
E muito bom ver Josh finalmente encarando os problemas com Mason... Fiquei com peninha do filho de Ted, ainda mais que motivos para ele ficar com Josh seriam menos supérfluos como ele disse, mas tenho certeza de que logo logo ele arruma outro cara bonito, com corpo muito admirável e bastante simpático. Wink

Lembro de gostar bastante de Collin como namorado de Tamara em LIP, mas como isso foi há mil anos e ele apenas foi citado em NSA, confesso que estou mais tentado em vê-la formando um casal com Josh. Até porque ela oprimindo sentimentos de Mason foi muito divertofo, porque na verdade ela mesmo tem sentimentos por nosso braçudo.
E amei conclusão dela de que pessoas a subestimam apenas porque ela fala rápido demais. Isso é uma injustiça, pois ela realmente tem razão em muitas coisas... Tem razão em se apaixonar por Josh e concretizar logo esse casal que tanto queremos! Smile

Mason além de ver suas chances com Josh esvaíem de uma vez por todas, ainda irritou Elliot com suas válidas sugestões para abrigo. Lógico que, se sugestões fossem acatadas, abrigo viraria lounge/salão de jogos/qualquer outra coisa menos abrigo.

Allison mais uma vez deixou Josh desconfortável, mas desconforto com Mason é tão maior que nosso braçudo (sim, só chamarei assim agora!) nem ficou tão desconfortável assim, veja que desbunde! Mas prefiro assim, os dois finalmente estão se tornando amigos e, embora eu já tenha desejado vê-los juntos, prefiro que o caminho fique livre pra Tosh.
Allie também teve conversa com Elizabeth onde apontou um fato importante: Se caso de Pamelão com Andrew não tinha a ver com promoção, por que o pobrezinho foi jogado de escanteio totalmente?

Aposto que Pamelão vai atrás de Andrew e, agora que resolveu as coisas com Elliot, teria uma coisa a menos para se preocupar. Se bem que ver Elliot se decepcionar assim com Andrew poderia render algo bom. Aliás, Elliot sabe que Elizabeth ficava com Andrew, né? E ainda assim caiu nos encantos dela? Tsc, tsc! Mas lado bom é que conversaram sobre o assunto e esclareceram o ocorrido e estão prontos para serem apenas profissionais, embora eu achasse mais importante que Elliot fizesse o racionamento de feijão. Laughing

E no fim das contas, Elliot ainda revelou que acha Elizabeth uma boa profissional, PIUI. Por essa, ninguém esperava mesmo. E mais uma vez, foi fofo em sua declaração sobre a chefe, mas conseguiu controlar os beijos, ainda bem.
E amo que Pamelão tenha trancado todos apenas para que pudessem resolver suas pendências, é bem a cara dela mesmo. E curti muito a tentativa dela em não deixar que descobrissem, mas Tamara chorando pelos amigos foi de cortar o coração e a farsa teve que ser revalada.

Que venha o prom! Very Happy

Harbor

Mensagens : 143
Data de inscrição : 12/03/2011

Ver perfil do usuário http://www.twitter.com/c_harbor

Voltar ao Topo Ir em baixo

#105

Mensagem  Leo Oliveira em Ter Maio 01, 2012 8:14 pm

Mas gente, esse Harbor é muito danadinho correndo com os episódios de "The String Quartet" só pra eu não terminar os comentários antes dele Laughing só não vou reclamar mais porque agora que ficou em dia com a galera da embaixada vai me fazer ainda mais feliz comentando Time Twisted Evil

Guerra de quem comenta primeiro à parte, preciso dizer que "Andrew" definitivamente não é um episódio focado em comédia, mas com tanto mistério em torno desse serzinho de luz, foi mais do que bem vindo e o melhor, seguiu um caminho totalmente diferente do que eu esperava. Imaginei Andrew em passado amoros com Elliot E Allie-bitch, mas jamais com Lizzie, até porque como já falei, não imagino a embaixadora travecão pegando esse povo novinho e de corpo admirável, como já diria Mason. Mesmo assim, funcionou direitinho amarrando o grande escândalo que deixou Allie-bitch tão desiludida com Elizabeth (por mais que ela mesma tenha sido uma quenga chantageando tão maravilhosamente e causando não só demissão, como acusação de crime para o pobre do colega) e Elliot disposto a ganhar a guerra dos tronos, manipulando lindamente a chefinha, e não sendo um fofo apaixonado como Chrys está achando!

Fora a pegada política surpreendente da série, sobrou mesmo a pegada fraternal de Mason e Allison, que estabeleceram sua dinâmica de provocação mútua muito rápido, assim que ele levou o primeiro fora dela. Allie não deve ter o corpo tão admirável assim, pra Mason se conformar tão fácil, mas prefiro assim, pois pode fazer piadas sobre pilhas de vibrador que não entendo!

E o que dizer de Tam-Tam traidora, hein? Talvez deva mesmo se envolver com Elliot e ajudá-lo a trair Lizzie, porque já mostrou que é uma víbora deixando Allie-prantos sozinha no quarto depois de PROMETER que não o faria. Essa aí mostra que faz tudo pelo poder e que está disposta a ir longe para agradar a chefinha, ao contrário de Allison, que mesmo com o trauma a desafiou. Gosto de como você mostrou os dois lados da moeda e polarizou a lealdade entre as mulheres da embaixada, mostrou que tem tudo planejado desde o início e que nesse jogo, ou você ganha ou é mordido por caranguejos!

Josh e seus bracinhos estão dormindo no sofá, por que será? Rolling Eyes

Leo Oliveira

Mensagens : 169
Data de inscrição : 17/10/2010

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

#106

Mensagem  Leo Oliveira em Ter Maio 01, 2012 8:36 pm

E eis que finalmente fico em dia com "No Strings Attached", versão televisiva do filme com Ashton Kutcher e Natalie Portman que, se me permite dizer, é muito melhor do que sua história original! 6 é mesmo um número cabalístico (lembra que eu sempre dizia que tinha que dar chance até o 6º para séries novas?) e, se antes eu já estava envolvido com as confusões dessa galerinha da pesada, agora estou completamente viciado e querendo 6 temporadas e um filme (a princípio) porque tá todo mundo bem entrosado e cheio de função (mesmo que não seja a função de adido). "Disconnected" meu pé, Keane, tão numa conexão de fazer inveja a muita série por aí!

Engraçado pensar que, quando começou "Strings Are Immutable", estava com dificuldades para justificar porque a série se passava na embaixada e agora mostra pleno domínio de artifícios como ameaça de terrorismo, desastre dos jornalistas mortos e muito terror nos bunkers da embaixada! Lizzie maravilhosa de ter essa ideia e causar pânico em todo mundo só porque queria unificar a embaixada, e só de pensar que planejou tudo isso enquanto menstruava não deixa dúvidas de que é mesmo um gênio da diplomacia e que Elliot e Tamara terão muito trabalho para derrubá-la.

E veja só, conseguiu equilibrar muito bem essa questão dos bastidores dos cargos na embaixada com as relações amorosas da série, cortando meu coração ao mostrar que Mason gosta mesmo de Josh e que, além do corpo admirável, admira a personalidade adorável de Joshinho, e me coloca realmente numa sinuca estilo "Awkward" ao fazê-lo desabafar sobre isso justamente com Tamara, que é o outro vértice do triângulo, porque é realmente difícil escolher quem devia ficar com Josh, principalmente porque:
1) apesar de confuso a respeito do beijo, ele é cristão conservador e sai correndo para chorar com a mãe que nem Cameron Mitchell. 2) ele também nunca demonstrou sentir nada por Tamara. 3) Tamara está com Colin e não admite nem para Mason que pensa em pular a cerquinha.
Maria baila com desilusão e dança eu, dança você, na dança da solidão!

Daí fico naquela sinuca de bico maior ainda porque, se pensar bem, par de Josh que faz mais sentido é Allison já que ele gosta dela, ela tá em crise com namorado que não a acompanha na dança (da revolução, não da solidão) e mesmo assim, não consigo sentir nenhuma química amorosa entre os dois, prefiro que permaneçam amiguinhos mesmo, até porque Allison tem outros interesses, como lembrar Lizzie constantemente dos erros que cometeu e ressaltar que ela, só ELA merece o cargo, sendo que tava até um dia desses dizendo que Mason tava na disputa também.

Elliot continua o seu plano maléfico, escondendo de todos a aliança que tem com Tamara e elogiando fofissionalismo de Lizzie (quer sinal mais óbvio de que tá tramando, gente?) e por mais que eu goste de nossa embaixadora travecão, preciso dizer que a expectativa do próximo passo de Elliot deixa a dinâmica da série toda mais interessante, principalmente porque ele fica preocupado em racionar feijões antes mesmo de alguém ter fome, isso é que é planejamento estratégico!

PS: quase chorei junto com Tamara quando fazia um escarcéu por seus colegas que ama mais do que a família, e olha que nem gosto de jornalistas. lol!

PS 2: acho que deviam ter seguido a sugestão de Mason para ficar mais à vontade no bunker, teria aliviado e muito a tensão no ambiente, se bem que li o episódio imaginando que pijamas deles todos já eram bem reveladores anyway.

PS 3: Mason muito fofo já soltando piadinhas loucamente depois que Josh ficou mais à vontade com ele e insinuando que podem se engraçar de novo assim que ele quiser. Ninguém pode culpá-lo, né?

Leo Oliveira

Mensagens : 169
Data de inscrição : 17/10/2010

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

#1.07 - "Ball"

Mensagem  Luciano Guaraldo em Dom Maio 06, 2012 1:21 am

NO STRINGS ATTACHÉ'D #1.07 - "Ball"
Evento diplomático mais esperado do ano, o baile da embaixada australiana chega para alterar as relações entre os funcionários. Josh (Alexander Ludwig) descobre que Elliot (Kevin Zegers) está tramando algo que pode prejudicar Elizabeth (Pamela Anderson), enquanto Allison (Chelsea Kane) sofre em seu namoro com Riley (guest Craig Horner). E Tamara (Andrea Bowen) tenta arranjar um par para Mason (David Henrie).
Também participam Julian Ovenden e John Reardon.
avatar
Luciano Guaraldo
Admin

Mensagens : 211
Data de inscrição : 15/10/2010
Idade : 31
Localização : São Paulo - SP

Ver perfil do usuário http://www.tvsn.hol.es

Voltar ao Topo Ir em baixo

#107

Mensagem  Leo Oliveira em Sab Maio 19, 2012 8:17 pm

Mas que loucura maravilhosa esse episódio de NSA centrado em bolas! Você é quase uma Shonda, que diziam por aí não ter bolas pra fazer o que fez, mas ao contrário dela, não merece morrer num acidente de avião e nem tomar voadora nos peito, até porque soube lidar muito bem com Chyler Leigh em todos os trabalhos que já fez, veja só! (miss you, Emma)

Não sei nem como começar a falar desse episódio que, assim como a finale de 90210, começa com Call Me Maybe, mas diferente da finale de 90210, não foi um lixo (e pelo visto não sei começar MESMO, já que fico enfiando outras séries no caminho), mas já posso dizer que não é à toa que baile da embaixada australiana é considerado o evento mais esperado do ano, mesmo acontecendo todo mês! Além de ter Riley, que conquista todo mundo com sua habilidade Offbeatica, embaixada é palco para muita intriga política, complicadíssimas teias amorosas e até mesmo anjos harpistas!

Vamos nos livrar logo de Allie-bitch, então? Tá me confundindo muito com essa vagabunda, primeiro faz com que gratuitamente critique a delícia que é Call Me Maybe, mas depois deixa-a muito fofucha com conversa maluca sobre possibilidades de "contrário" e do contrário de contrário, que é completamente! Aí depois vira uma quenga abrasiva de novo reagindo mal a declarações fofas de Rileyzucho, sendo que né gente, tão juntos desde temporada inexistente da série e não tem porque ficar surpresa de pedir em namoro agora! Será que tá balançada por Josh, essa vadia?

Mas antes de falar de todo mundo que tá interessado em Josh, vamos ressaltar o quanto o cara novo tá fufu dentro da embaixada, porque não bastasse ser odiado gratuitamente por Elliot e o fato de Elizabeth não saber seu nome (acha até que é algo com M), ainda está ouvindo conversas atrás de anjos harpistas e conversando com James só pra descobrir que Elliot quer dar o COUP na embaixada. Sinceramente não consigo imaginar como vai usar essa informação sem ficar desacreditado por todo mundo, o que me faz temer que ele é que vai levar no COUP no fim das contas! Poor Josh, precisará de muito apoio Crying or Very sad

Apoio que receberá de Tamara e Mason, claro, porque estão xonadinhos demais da conta por ele ET- alien e Tam já tá revelando seu lado megaevil apresentando Mason para um jornalista velhaco só pra livrar o caminho quando quiser investir em braçudinho. E para a minha surpresa, Randall Worthington III não é velhaco coisa nenhuma e ainda é The Bachelor, PIUIIII, aí sim Mason se deu bem!
Não sei ainda se Mason vai curtir o ex-herdeiro e Tam ainda tá com Colin, então tão cedo não veremos o fim desse triângulo, duvido muito que um deles vá se declarar pra Josh dizendo que o ama já no próximo episódio, né gente? Mas que tá uma delícia de acompanhar, tá!

E por falar em próximo episódio, vai ter Austin Butler (que faz piscinão com jovem Carrie Bradshaw e tá conservado até hoje, nham nham) e Colinzinho chorando com Tam a barra que foi ter piloto de The Selection recusado, já vi que chorarei muito!

Leo Oliveira

Mensagens : 169
Data de inscrição : 17/10/2010

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Comentários dos episódios

Mensagem  Harbor em Dom Maio 20, 2012 6:28 pm

Como não sou muito fã de política nem percebi o cenário que vinha sendo formado em episódios anteriores com golpe que Elliot quer dar em Elizabeth.
Quer dizer então que todo o “amor” que ele sentiu por Elizabeth e o fez perambular um dia inteiro para conhecermos Andrew na verdade era uma armação para tirar Elizabeth do trono? Que desbunde! Pior é que, considerando toda a história com Andrew e o fato de Elliot ter ficado na embaixada por conta disso, até dá pra entender motivos dele. E também não é como se Elizabeth merecesse muito o cargo, não é mesmo? Verdade é que comete muitos deslizes como o vexame que deu ficando bêbada jogando Angry Birds. E dessa vez nem foi deslize fofo ou divertido, foi apenas deslize mesmo. Problema é que Elizabeth é uma administradora visionária... Tão visionária que o mundo ainda não está pronto pra ela, LOL!

Tão visionário quanto é Josh em suas habilidades de espionagem... Achei divertido vê-lo se escondendo atrás de anjo harpista e depois puxando conversa sobre o golpe político casualmente enquanto usava um mictório. E não sei exatamente como usará essa informação a seu favor (e acho que a favor de Elizabeth), mas prevejo muitas confusões desse braçudinho e sua turminha vindo por aí!

E Allie, minha gente? Leo disse tudo quando falou que não tinha motivos para reagir como reagiu à declaração de Riley porque estão juntos desde a temporada inexistente da série... Único motivo que vem a cabeça é que resolveu que gosta de Josh agora, já tá até invadindo quarto dele pelada e criticando músicas que ele ouve. Quer brigar com ele nua? Só pode estar querendo ele... Ou tá grávida de Rileyzinho e seus hormônios estão fazendo com que aja de forma descontrolada... Ou reagiu mal por algum outro motivo, LOOOL! Reações equivocadas a parte, também curti muito todo o sarcasmo fofo com contrário de contrário, definitivamente foi completamente ao extremo!

Baile ainda serviu pra mostrar que Tamara é uma danadinha e já quer tirar Mason do seu caminho para ficar com Josh. Só que tem que tirar Colin também, mas que deve estar abaladíssimo mesmo com a recusa de “The Selection”... Ou não, pode entrar no mid-season ainda! Cool
E não é que no fim das contas Mason arrumou um cara bonito, com corpo muito admirável e bastante simpático? Taí outra que leva jeito para matchmaker, já tinha tido êxito com companheiro sexual pra Elizabeth e parece ter emplacado outro casal. Randy tem nome de velho, mas foi extremamente fofo em seu episódio de estreia e já espero vê-lo mais vezes!
E como não torcer por um casal onde um critica gratuitamente o outro sem conhecer como Mason fez de forma divertofissima?

E próximo episódio promete ser um desbunde de emoção com protagonista de Heritage e retorno de Colin! Uma pena que não vai ser amanhã... Ou vai? Very Happy

Harbor

Mensagens : 143
Data de inscrição : 12/03/2011

Ver perfil do usuário http://www.twitter.com/c_harbor

Voltar ao Topo Ir em baixo

#1.08: "Ties"

Mensagem  Luciano Guaraldo em Dom Jun 17, 2012 11:40 pm

NO STRINGS ATTACHÉ'D #1.08: "Ties"
Quando Josh (Alexander Ludwig) recebe a visita de seu irmão mais velho (special guest Austin Butler, "Heritage"), ele descobre que misturar vida pessoal e profissional pode não ser a melhor das ideias. Enquanto isso, Tamara (Andrea Bowen) sente a necessidade de confrontar seus sentimentos, mesmo que isso signifique terminar com Colin (special guest William Moseley).
Também participam David Henrie, Chelsea Kane, Kevin Zegers e Pamela Anderson.
avatar
Luciano Guaraldo
Admin

Mensagens : 211
Data de inscrição : 15/10/2010
Idade : 31
Localização : São Paulo - SP

Ver perfil do usuário http://www.tvsn.hol.es

Voltar ao Topo Ir em baixo

#1.09: "Changes"

Mensagem  Luciano Guaraldo em Dom Jun 24, 2012 11:12 pm

NO STRINGS ATTACHÉ'D #1.09: "Changes"
Josh (Alexander Ludwig) se desespera ao saber que Stan (special guest Austin Butler, "Heritage") foi contratado por Elizabeth (Pamela Anderson) para trabalhar na embaixada, mas tem dificuldade em convencer os colegas de que o lugar do irmão não é ali. Enquanto isso, Allison (Chelsea Kane) leva Tamara (Andrea Bowen) em uma noitada para superar o rompimento, e Mason (David Henrie) e Randy (guest John Reardon) entram em um impasse.
Também estrela Kevin Zegers.
Também participa Diego Boneta.

avatar
Luciano Guaraldo
Admin

Mensagens : 211
Data de inscrição : 15/10/2010
Idade : 31
Localização : São Paulo - SP

Ver perfil do usuário http://www.tvsn.hol.es

Voltar ao Topo Ir em baixo

# 1.08

Mensagem  Harbor em Dom Jul 01, 2012 5:08 pm

E depois de um mini hiatus, eis que NSA retorna com mais um episódio divertido e que aparentemente mudará a estrutura da série.

No primeiro grande plot do dia, temos Tamara e seu grande amor por Josh (e por twix, algodão doce de parque e pipoca não feita no micro-ondas). Desciclopei horrores ela tentando disfaçar todo seu amor por Josh, muito divertido. E o pior é que fora o susto inicial da primeira vez que ela disse, a verdade é que Josh nem ligou muito para o que ela disse. Aliás, receio dizer que ele não a vê dessa forma, no finalzinho quando ela foi desabafar com ele, ele foi um ótimo amigo e só. Josh só a vê como amiga, buuu! E agora ela nem tem mais Collin com seu sotaque irresistível para dar umas bitocas. Aliás, amo que ela ainda achasse que eram um casal enquanto Collin claramente tinha outra ideia. Foi bom revê-lo e me diverti com a cena dos dois, mas a verdade é que nem lembro mais dos dois como casal, só lembro que eram fofos, então fico feliz que Tamara teve o momento mais difícil de sua vida terminando com ele e agora está pronta para seguir em frente. Queria que fosse com Josh, mas acho que não será dessa vez.

E nosso braçudinho teve que aturar a visita do irmão bruxinho e, gente, como é uma quenga abrasiva com Stan! A verdade é que realmente Stan já chegou e conseguiu mais atenção de todos em 1 minuto do que Josh nesse tempo todo em que está na embaixada. Aliás, senti no plot deles uma vibe meio Jane mentindo pra Alex em Happy Endings sobre ajuda em formatura de analfabetos com medo da irmã mais nova chamar a atenção e acho que, de uma forma geral, é isso que Josh sente com Stan. Mas como não tivemos flashbacks de little Stan se vestindo com a roupa do pai e roubando a atenção da família enquanto little Josh recita alguma coisa, por enquanto não vejo muita explicação para tanto recalque, ciúme e desprezo. Ok, até vejo, mas vai ter que ir mais a fundo nessa questão. Até lá, para mim, Josh é apenas uma quenga com seu irmãozão. E aparentemente será mais agora que Stan conseguiu um emprego na embaixada.

Enquanto os protagonistas tinham seus momentos de destaque, os coadjuvantes coadjuvavam, PIUI! Allie muito ótima trazendo seu medo de caranguejos a tona novamente e abandonando Tam em break up call. Mason se revelando um vândalo ao depredar estátuas super comuns como a de Jude Law, mas realmente, né? Tanta coisa melhor para virar estátua! Laughing
Elliot apenas tentou manter o foco nas discussões. Next!
Quem mais se destacou dos 4 mesmo foi Elizabeth querendo cópia do poema do paquera de Allie e sendo toda receptiva com Stan (até mais do que Tam foi... Será que Stan vai ser Andrew 2.0?).

No próximo, rodada de laticínios para superar o término do namoro, LOOL. Mal posso esperar!

Harbor

Mensagens : 143
Data de inscrição : 12/03/2011

Ver perfil do usuário http://www.twitter.com/c_harbor

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Comentários dos episódios

Mensagem  Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 1 de 2 1, 2  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum